Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
  • Srgio V. Dias

    Era possvel fazer muito mais e melhor

    07 de Abril de 2021

    Passados os tempos de inquietação derivados da guerra que assolou o país por quase três décadas, hoje caminhamos há quase 20 anos desde que se testemunhou o calar das armas a 4 de Abril de 2002. Ler mais �

  • Augusto Fernandes

    Ida ao Mundial marcou o futebol

    07 de Abril de 2021

    Em 2018, a nossa selecção de futebol adaptado trouxe-nos o primeiro troféu de cariz Mundial, ao vencer o campeonato do Mundo. Ler mais �

  • Teixeira Cndido

    Ganhos que podem ir ao ralo

    07 de Abril de 2021

    A circulação de pessoas e bens, apesar das dificuldades das estradas, faz-se com segurança. Ler mais �

  • Jose de Matis

    Um toque ao desenvolvimento

    05 de Abril de 2021

    O país comemorou ontem mais um ano de paz. Foi a 4 de Abril de 2002 que a Nação angolana presenciou a cerimónia que marcou o fim de um período de guerra que deixou inúmeras cicatrizes. Ler mais �


  • Os ganhos da nossa vaidade

    05 de Abril de 2021

    Ao assinalarmos 19 anos, desde que o país começou a desfrutar do alívio que só a paz proporciona, não há como não reconhecer os ganhos havidos no sector desportivo neste lapso de tempo. Ler mais �

  • Fontes Pereira

    Um retrocesso em alguns casos

    05 de Abril de 2021

    O desporto foi o grande embaixador do país, algumas modalidades assumiram-se como verdadeiros porta-estandartes, dado os feitos protagonizados por algumas selecções nacionais. Ler mais �


  • Estamos de volta

    05 de Abril de 2021

    Factores alheios à nossa vontade forçaram a ausência, nas bancas, deste produto editorial durante cerca de um ano. Ler mais �


  • Citaes

    19 de Março de 2020

    Foi uma partida disputada com muita intensidade e forte entrada do Bravos do Máquis, que nos criou muitas dificuldades. Ler mais �


  • Escaldante Girabola

    19 de Março de 2020

    O campeonato nacional de futebol da primeira divisão vai dobrando os últimos contornos. A presente edição, amputada face a desqualificação do 1º de Maio de Benguela, abeira-se do seu fim . Entretanto, do ponto de vista classificativo as coisas estão longe de se definirem. No topo, o 1º de Agosto e o Petro travam uma luta sem quartel pelo título. Ler mais �


  • Cartas dos leitores

    17 de Março de 2020

    Estamos melhor do que nunca. A pressão é para as pessoas que não têm arroz e feijão para comer. Estamos sem pressão, temos todos bons salários e boas condições de trabalho. Estamos numa situação de privilégio e até ao último jogo tivemos apenas duas derrotas. Ler mais �