Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

de ,
A luta pela liderança do Grupo B do torneio de andebol da classe masculina dos Jogos Africanos de Rabat\'2019 é definido hoje, a partir das 18h00, no pavilhão Mohamed V, em Casablanca, Marrocos. Angola e Congo Democrático jogam para a terceira jornada. O grupo é liderado pela Argélia com cinco pontos.
O desafio afigura-se renhido e de prognóstico reservado. Separados por um ponto, angolanos (quatro) e congoleses (três) entram na quadra com estratégias diferenciadas para lograr o objectivo.
A equipa de Felipe Cruz está ciente das dificuldades e deve apostar na defesa aguerrira e na eficácia ofensiva. Os Guerreiros, designação da equipa angolana, devem fazer da ousadia a principal divisa diante do oponente bem dotado fisicamente. O treinador da selecção angolana trabalhou a concentração e motivação do grupo.
O Congo Democrático entra no jogo com orgulho ferido no jogo anterior, em que empatou com a Argélia a 20 golos. Os congoleses estão desprovidos de argumentos técnicos e tácticos, mas ambicionam voltar a ganhar. Para isso, a estratégia incide no uso excessivo da força para intimidar os oponentes. A excelente leitura de jogo está longe do plano dos congolenses ante os angolanos.
Na luta pela cauda do grupo B, Nigéria e Burkina faso testam as aptidões, às 14h00. As duas equipas ainda não saborearam a vitória na competição.
Para o grupo A, Egipto defronta a Zâmbia, às 12h00, num desafio com favoritismo dos faraós à vitória. Marrocos lidera o grupo com dois pontos, seguido do Egipto (2), Guiné Conacri e Zâmbia sem ponto.

FEMININO
Por imperativo de calendário, as Pérolas descansam hoje e voltam em cena amanhã. Às 14h00, Cristiane Mwasessa e as compatriotas entram no rectângulo de jogos para defrontar as nigerianas no jogo do grupo A. O Congo Democrático apresenta vantagem competitiva sobre a Nigéria que ainda não pontuou.
À mesma hora, Argélia e Quénia jogam hoje para o grupo B. As magrebinas têm a oportunidade de somar mais dois pontos diante de uma selecção sem vitória na competição.
Duas horas depois, a Tunísia enfrenta a modesta Uganda, que busca inscrever o nome em África. A ronda é concluída com o jogo entre a Guiné Conacri e Marrocos às 18h00.
Na tabela geral de classificação, Angola lidera o grupo A com seis pontos, seguida de Congo Democrático (4), Marrocos (2), Guiné Conacri e Nigéria sem pontos.
No Grupo B, os Camarões comandam com seis pontos, seguido da Argélia (2), Tunísia (2), Quénia e Uganda sem pontos.

Últimas Opinies

  • 24 de Agosto, 2019

    O amiguismo na resciso

    O assunto de momento no nosso futebol, convenhamos, é sem dúvidas o desenlace entre a Federação Angolana de Futebol (FAF) e o técnico Srdjan Vasiljevic, em face de algumas situações que vinham acontecendo e que originou que se estalasse o verniz.

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Os jogadores aguardaram isso dos dirigentes, para que a motivação crescesse

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    O sonho dos grupos

    Após as vitórias extramuros nas deslocações à Tanzânia e ao Lesotho, o 1º de Agosto e Petro têm, neste fim-de-semana, a oportunidade soberana de confirmarem a qualificação para última eliminatória de acesso a fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Viemos a público para responder ou esclarecer o que aconteceu.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

Ver todas »