Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do Leitor

30 de Setembro, 2013
Rogério Panzo - Luanda
O nosso Mundial-
Antes de mais endereço as mais vivas saudações ao colectivo do Jornal dos Desportos. Não estou de acordo com aqueles que dizem que a organização do Mundial de Hóquei em Patins por Angola foi um fracasso. Gostaria de lembrar que houve duas vertentes na organização do primeiro Mundial em África. Primeiro, o desportivo, em que o objectivo era, de facto, melhorar o sexto lugar que Angola já teve e, se possível, chegar ao pódio, uma tarefa que sempre se viu que não seria fácil, dada a envergadura de algumas seleccões participantes, como a Espanha, Portugal, Argentina e Chile. Angola ficou entre os dez primeiros classificados, mas há a certeza que no Mundial da França, em 2015, as coisas irão mudar com a integração de novos jogadores no “cinco” nacional, saídos da selecção de sub-20 que trabalha e bem para o futuro. Outra vertente, é mais organizativa. Os participantes ao campeonato foram unânimes em reconhecer o esfoço e a qualidade da prova. O país teve ganhos porque tem mais pavilhões para melhorar a qualidade de vida dos nossos jovens.

Marcos Rosa – Luanda
Bom Girabola-É
difícil imaginar o Kabuscorp do Palanca a perder o título do presente Girabola. Sei que isso era impensável há três ou quatro anos, mas hoje estamos diante de uma realidade diferente, com o clube do Palanca a deixar para trás os colossos do nosso futebol. Sou adepto do Petro de Luanda, desde sempre, mas tenho que reconhecer que esta equipa do senhor Bento Kangamba soube fazer bem o trabalho de casa. Preparou a temporada sem sobressaltos, soube escolher os jogadores e integrantes da equipa técnica, tem um balneário coeso e os resultados estão à vista de todos, com o clube quase a tornar-se campeão nacional. E como o título é apenas uma questão de dias, sabendo-se de antemão das dificuldades que as nossas equipas têm tido nas provas africanas, seria bom que a direcção do Kabuscorp do Palanca começasse já a preparar o seu desfile na Taça dos Clubes Campeões de África, porque

Sampaio André - Luanda
Apoio aos desportistas
-Gostei da iniciativa da Federação Angolana de Ginástica, particularmente do seu presidente, Auxílio Jacob, de conceder bolsas de estudo para jovens ginastas nacionais com dificuldades na vida. De facto, atender ao lado social dos desportistas é também uma das formas de contribuir para a formação dos atletas. Os jovens que agora vão a Portugal têm talento e para além de continuar a praticar a modalidade têm, também, a oportunidade de se formar em outras áreas do saber com uma formação académica sólida. Estou feliz com essa iniciativa, que deveria ser seguida por outros organismos federativos.

Últimas Opinies

  • 24 de Agosto, 2019

    O amiguismo na resciso

    O assunto de momento no nosso futebol, convenhamos, é sem dúvidas o desenlace entre a Federação Angolana de Futebol (FAF) e o técnico Srdjan Vasiljevic, em face de algumas situações que vinham acontecendo e que originou que se estalasse o verniz.

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Os jogadores aguardaram isso dos dirigentes, para que a motivação crescesse

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    O sonho dos grupos

    Após as vitórias extramuros nas deslocações à Tanzânia e ao Lesotho, o 1º de Agosto e Petro têm, neste fim-de-semana, a oportunidade soberana de confirmarem a qualificação para última eliminatória de acesso a fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Viemos a público para responder ou esclarecer o que aconteceu.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

Ver todas »