Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

20 de Maio, 2014
"Foi um ano (2013) notável em termos desportivos. Estou especialmente feliz porque o Clube Recreativo e Desportivo do Libolo ganhou o campeonato angolano da primeira divisão na temporada 2012/2013 e chegou à fase de grupos da prestigiada Liga dos Clubes Campeões Africanos de Futebol pela primeira vez."

RUI CAMPOS, presidente do Recreativo do Libolo


O nosso desafio é lutar para que a equipa não desça de divisão, por isso é que a direcção do clube e a equipa técnica trabalham com tudo o que têm ao seu alcance, para se atingirem os objectivos preconizados."


MBOZO NDONGA, presidente do União do Uíge


"Temos de fazer melhor. A Mercedes está fora do alcance, mas temos potencial para lutar com outras equipas, portanto, a segunda posição é a nossa meta. Infelizmente, passou muito tempo. Não fomos capazes de lutar por vitórias nos últimos 12 meses, queremos fazer melhor."


FERNANDO ALONSO,
piloto da Ferrari


"Foi uma vitória importante, mas com muitos nervos, e foi possível ver isso desde o início. Mas recuperámos bem. No geral, o espírito, a união e a qualidade da equipa fizeram-nos conquistar o troféu. Parecia que não era possível, mas isso deveu-se ao Hull, que mostrou qualidade."

ARSENE WANGER, Treinador do Arsenal


A PERGUNTA DO DIA
A direcção do Kabuscorp interveio na melhoria do clima de descontentamento dos adeptos e os ânimos foram serenados. Cumpriu o seu verdadeiro papel?


A direcção do Kabuscorp sabe muito bem qual é o carácter dos seus adeptos. Basta, para tal, vermos a equipa consentir duas derrotas ao longo do campeonato para logo assistirmos a uma manifestação reprovável. Portanto, se alguém de direito afecto àquela formação conseguiu acalmar a massa associativa, isso já é muito bom, para o bem do espírito de fair-play.


Telmo Kizomba,
estudante


A direcção do Kabuscorp fez circular um comunicado de imprensa assinado pelo presidente do clube, Bento Kangamba, em que este acentua que "numa competição existe vitória, empate e derrota, e os nossos objectivos continuam inalterados, sendo o principal favorito a voltar a vencer o Girabola e representar condignamente o país nas Afrotaças".

Ambrósio Frederico , trabalhador


A direcção do Kabuscorp tem conhecimento da situação complicada que a equipa viveu, face aos últimos resultados alcançados no campeonato nacional de futebol da primeira divisão (Girabola). Espero que o espírito de unidade, entre direcção, adeptos e jogadores e também equipa técnica, se faça sentir para o bem do futebol nacional.

Mila Nsana, engenheiro


AVALIAÇÃO JD
RUI CAMPOS
Presidente do Libolo Positivo-
Apesar de parecer entrar em contradição com o que repetidas vezes tem vindo a dizer o técnico Miller Gomes, Rui Campos, presidente do Libolo, não disse mais do que se impunha por legitimidade. Assumir a conquista do título é o mínimo que se podia esperar da direcção de uma equipa, que dá cartas no Girabola.

MBONZO NDONGA
Presidente do União do Uíge Negativo-
Mbonzo Ndonga veio a terreiro, manifestar o seu optimismo à permanência da equipa na primeira divisão. Nada mais justo. Mas, não deve ele esquecer-se que a "chicotada" psicológica nem sempre dá resultados. A precipitada mudança da equipa técnica pode deitar abaixo esse seu optimismo à permanência.

Últimas Opinies

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Quem explica o desporto angolano?

    O nosso desporto merece um estudo profundo, para se encontrar explicações que justifiquem os resultados que vai tendo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    No nosso grupo (A),  somos a única selecção (Angola) que tem a sua primeira participação  a este nível. Canadá vai para a sua sétima, Nova Zelândia.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Objectivo falhado

    Angola não conseguiu alcançar o objectivo preconizado no Mundial de Hóquei em Patins, que se disputou em Barcelona, Espanha, acabando por se quedar na sexta posição.

    Ler mais »

  • 13 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    Vamos entrar para o campeonato em cada jogo para ganhar, nós queremos começar bem, com o pé direito. Como sabem, já temos o calendário.

    Ler mais »

Ver todas »