Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

20 de Janeiro, 2015
Não há país algum no mundo em que o desenvolvimento do futebol não passe pela formação dos seus jogadores, dirigentes, treinadores e árbitros. Os estudos sobre as acções motoras e competitivas no futebol são cada vez mais frequentes".



Domingos Inguila, antigo seleccionador nacional



É consensual a necessidade da melhoria da qualidade dos nossos técnicos. Deve haver uma concertação de várias entidades, até mesmo entre o MJD e o ME. Precisamos de melhorar e potenciar o desporto escolar que pode ser fonte de alimentação dos clubes".



António Alegre, comentarista desportivo



Estamos com algum problema no que toca aos amistosos. Depois deste jogo com o Domant FC do Bengo, o nosso segundo teste é contra o Recreativo da Caála na cidade do Lubango, no próximo sábado. Aqui já não temos adversário para enfrentar".



Ekrem Asma, técnico da Académica do Lobito



Não me considero um dos favoritos. No ano passado sim, mas este ano a história é outra. Poderia mentir e dizer que estou pronto para vencer, mas não me sinto preparado para ganhar o torneio agora".



Rafael Nadal, tenista espanhol


PERGUNTA DO DIA
Os convocados para a pré-selecção nacional de atletismo para portadores de deficiência, para os Jogos do Rio do Janeiro, têm potencial para conquistarem medalhas?

"Os nomes dos velocistas nacionais, portadores de deficiência, classe T11 (deficientes visuais) convocados para a competição, garantem-nos a conquista de medalhas. Já possuem muita experiência. São os casos do campeão mundial, José Sayovo e ainda José Chamoleia, Maria da Silva e Esperança Gicaso.


Pedro Gonçalves, gestor de vendas



A pré-selecção dos atletas baseia-se em três torneios qualificativos aos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro. Nomeadamente o Meeting Internacional de Tunis; Open Internacional de Lotarias de São Paulo e Campeonato do Mundo para Deficientes Visuais na Coreia do Sul. Isto vai dotar os atletas de níveis estimulantes.


Mc King, kudurista


A concentração dos atletas convocados para a competição do Rio, foi marcada para 18 do corrente na sede do Comité Paralímpico Angolano (CPA). Assim sendo, vamos esperar que os mesmos possam honrar o país durante a competição, tendo em conta os propósitos assumidos pelo CPA.

Pai Traking, kudurista

Últimas Opinies

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Quem explica o desporto angolano?

    O nosso desporto merece um estudo profundo, para se encontrar explicações que justifiquem os resultados que vai tendo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    No nosso grupo (A),  somos a única selecção (Angola) que tem a sua primeira participação  a este nível. Canadá vai para a sua sétima, Nova Zelândia.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Objectivo falhado

    Angola não conseguiu alcançar o objectivo preconizado no Mundial de Hóquei em Patins, que se disputou em Barcelona, Espanha, acabando por se quedar na sexta posição.

    Ler mais »

  • 13 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    Vamos entrar para o campeonato em cada jogo para ganhar, nós queremos começar bem, com o pé direito. Como sabem, já temos o calendário.

    Ler mais »

Ver todas »