Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

25 de Janeiro, 2015
As rixas que nos últimos anos assistimos, envolvendo responsáveis do andebol, estão a contribuir para o declínio da modalidade. Repare que, nos últimos tempos, as equipas de Benguela deixaram de rivalizar, à semelhança das congéneres de Luanda.”
Pedro Godinho, presidente da FAAND

É sempre bom quando o grupo realiza amistosos. É diferente de um treino e penso que o professor Calado tem boas opções, uma vez que pretende formar uma equipa coesa para as empreitadas que tem pela frente. Os resultados não estão em causa.”
Yano, avançado do Progresso

Já entregámos uma lista à direcção, da qual constam os nomes dos jogadores que vão pertencer ao nosso plantel. Agora, o que se passa é que já nesta fase mesmo, deram-nos mais alguns jogadores para serem observados e continuam connosco nessa condição.”
Paulo Saraiva, técnico do Domant

A observação é positiva. Há muito talento. Há talentos de facto. É necessário agora que a sequência do processo seja bem conduzida, porque a nossa matéria-prima é o homem. Temos que saber trabalhar para que não causemos atrofia nos rapazes.”
Augusto Manuel seleccionador dos sub-20


PERGUNTA DO DIA
Qual é a apreciação que os angolanos fazem da 30ª edição do CAN/2015, que decorre na Guiné Equatorial?

A apreciação da sociedade angolana no que concerne ao acompanhamento da maior cimeira do futebol continental é positiva. Pelo facto de termos a oportunidade de assistirmos aos jogos, através dos canais de televisão nacional e internacional, jornais e até mesmo pela Rádio 5.”
Eraldo José, estudante

Na qualidade de cidadão nacional defendo que era bom que as cores da bandeira nacional estivessem representados pelos Palancas Negras, mas como não conseguimos apurar-nos, só me resta dizer que a minha apreciação é negativa.” Camilo Gonçalves, estudante

O país já viveu uma experiência similar com a realização do CAN/2010. Temos em memória lembranças muito fortes, daquilo que foi a prestação de Angola. Ainda assim, esperava voltar a ver a Selecção Nacional na Guiné Equatorial. Não é possível, e por isso só nos resta aguardar que tudo decorra sem sobressaltos.” Manuel Xavier, estudante

AVALIAÇÃO JD
PEDRO GODINHO
Presidente da FAAND=Positivo
O presidente da Federação Angolana de Andebol manifestou a intenção de abandonar o cargo, assim que terminar o seu mandato, em Dezembro de 2016. “Acho que já dei tudo ao andebol. Dei o máximo e os resultados falam por si”. Atitude louvável.

TERESA QUARTA
Ex-presidente da AMUD=Negativo

A situação não está nada favorável para a antiga presidente da Associação Angolana da Mulher e Desporto (AMUD), que não teve sucesso nos processos que intentou contra o COA, inclusive no Tribunal Arbitral do Desporto, com sede na Suíça. Muita água vai ainda correr por baixo da ponte.



Últimas Opinies

  • 18 de Julho, 2019

    Final interessante

    Um mês depois de fortes emoções vividas nos estádios e em outros espaços fora e longe dos centros de disputa,  vamos ter,  finalmente,  amanhã dia 19, o cair do pano da XXXII edição do Campeonato Africano das Nações de futebol, organizado pelo Egipto.

    Ler mais »

  • 18 de Julho, 2019

    A dvida de Akw

    O dia 8 de Outubro de 2005, ficará para sempre gravado na história do desporto angolano e do futebol em particular.

    Ler mais »

  • 18 de Julho, 2019

    Assim no est nada bom

    Depois da decepção que foi a participação dos Palancas Negras no Campeonato Africano das Nações, que ainda decorre no Egipto, com encerramento previsto para amanhã, 19 de Julho, pensei que a paz voltaria, quanto antes, a reinar no “quintal” do futebol doméstico, de si já prenhe de problemas.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Uma seleco coxa sem craques de elite

    A qualidade  dos jogos dados a ver pelos Palancas Negras no CAN do Egipto, mostrou, mais uma vez, que não temos um estilo que nos identifica em termos de estilo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

Ver todas »