Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

04 de Março, 2015
As movimentações, o dinamismo, a qualidade técnica e a postura táctica que eu exijo dos meus jogadores começam a surtir efeitos e vamos continuar neste caminho para o Sagrada Esperança poder discutir pontos com qualquer adversário no Girabola”.


António Caldas, técnico do Sagrada Esperança


“Não digo que tudo está como quero, mas posso adiantar que os meus jogadores já começaram a interpretar bem a minha estratégia, o que me deixa satisfeito. Experimentámos alguns jogadores e vimos que todos estão compenetrados”.


Ilian Iliev,
técnico do Interclube


Sabemos que todos os que se identificam com o Progresso estão ávidos de um resultado positivo. Acreditamos que os resultados a seu tempo vão acontecer. Por isso, tudo vamos fazer para que vitória comece já no jogo com o ASA”.


Jaime, - capitão do Progresso


Admiro Mourinho. Para mim, ele é o melhor ou um dos melhores do mundo. Foi uma honra jogar com ele, um sonho para mim. Quando eu era jogador defrontei-o e agora estar frente a frente com ele numa final em Wembley, é um sonho”.


Pochettino,
técnico do Tottenham

PERGUNTA DO DIA
A Selecção Nacional sénior feminina de andebol foi justa vencedora do torneio internacional "Angola 40 anos"?


A Selecção Nacional mostrou diante de adversárias cotadas que continua a prestigiar o desporto nacional nas competições internacionais. Quando se aproxima o Torneio Pré-Olímpico, que nos pode levar aos JO2016, a vitória veio aumentar as nossas possibilidades."


Ernesto Caita, gestor de vendas


Apesar de não ter acompanhado este torneio que assinala o 40.º aniversário da Independência Nacional, devido aos jogos de futebol que decorreram no final de semana, ainda assim sei que as "pérolas" são realmente o orgulho do andebol nacional."


Augusto António, automobilista

AVALIAÇÃO JD

ZECA AMARAL
Técnico do Benfica de Luanda Psitivo-
Quem viu o Benfica de há dois anos atrás, que por pouco falhou a despromoção e quem vê o Benfica de hoje, nota grande diferença. A equipa regressou às competições continentais e não se fez rogada. Venceu os dois jogos: em Luanda e em Bujumbura. Mudanças significativas.

PAULO SARAIVA
Técnico do Domant FC Negativo-
O Domant F.C. disputa, pela primeira vez, a fina flor do futebol nacional. E quer queiram quer não, faz parte do lote de equipas que tudo vai fazer para evitar a despromoção. Para evitar esse desiderato, a equipa tem de vencer todos os jogos em casa. A não acontecer, a despromoção pode ser uma realidade.

Últimas Opinies

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Petro escorregou Vasiljevic j era

    O grande Petro já  atemoriza os seus adeptos em poder continuar a fazer travessia no deserto neste seu “hibernar” sem título desde 2009: empatou mesmo depois de o presidente.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Penso, que não há  muitas alterações  em relação aos candidatos, o 1º de Agosto procura o Penta e o Petro luta para quebrar o jejum de 10 anos, sem conquistar o campeonato.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Girabola de todos

    Soltaram-se assobios, no último fim-de-semana. Voltou aos palcos nacionais, o futebol de primeira grandeza. Ou seja, o campeonato nacional da primeira divisão, o nosso Girabola.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O segundo pecado da FAF

    A direcção de Artur Almeida e Silva acaba de cometer o segundo pecado, na gestão dos destinos da Federação Angolana de Futebol(FAF). O primeiro, assenta na desorganização que já a caracteriza.

    Ler mais »

Ver todas »