Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos leitor

26 de Janeiro, 2015
"Há pessoas que pensam que o futebol é como o ténis, modalidade em que um atleta resolve tudo sozinho. A exigência vai aumentar, mas vamos tentar corresponder da melhor maneira. Respeito toda a gente, mas estou a tentar convencer o novo treinador daquilo que sou capaz de fazer."
Jumisse, jogador do 1º de Agosto.

Quando se investe presta-se muita atenção ao imediatismo, o qual por um lado não é benéfico porque não permite adquirir uma estabilidade competitiva em franco desenvolvimento e evolução."
Arnaldo Gamonal, professor de Ciências de Educação Física.

Acredito que a nova época vai ser mais produtiva, tendo em conta os níveis técnicos dos concorrentes e o apetrecho em meios das equipas. Um apreço para a comunicação social pelo excelente trabalho na divulgação, pois o desporto e a informação devem estar de mãos dadas.”
Pedro Cristina, coordenador do Campeonato de Rali/Rai Car.

É difícil dizer quando termina a carreira de um jogador (Cristiano Ronaldo) que neste momento tem uma condição máxima a nível mental. Compete cada dia contra si mesmo para melhorar. Vai continuar a marcar.”
Carlo Ancelloti, treinador do Real Madrid.

PERGUNTA DO DIA
A contratação do técnico Finda Mozer para orientar o 1º de Maio de Benguela salvaguarda os objectivos da equipa?


Espero que a contratação do técnico do 1º de Maio tenha sido um assunto estudado com alguma profundidade, tendo em conta o insucesso desta equipa sempre que ascende ao Girabola. Mesmo assim, desejo sucesso na sua carreira e que concretize os objectivos da equipa. Nelson da Silva, conta própria.

Acredito que sim, o novo treinador tem experiência e pode ajudar o 1º de Maio a concretizar os seus objectivos, quer consiga convencer a FAF para permanecer no Girabola, quer jogue na segunda divisão para o seu regresso à primeira. Adão Neto, estudante.

O técnico teve uma passagem comprometedora na equipa da União Sport Clube do Uíge e antes também não foi bem sucedido no Porcelana do Cuanza Norte. Embora as épocas não sejam iguais, dou o benefício da dúvida à direcção do 1º de Maio e espero que Finda Mozer consiga levar a equipa a um lugar de destaque. Manuel João, taxista.


AVALIAÇÃO JD

ÂNGELO VEIGA
Ministro do Interior - Positivo

Há muito se cobrava da parte das autoridades um posicionamento em torno de jogadores estrangeiros que sem reunirem os requisitos estabelecidos pela Lei da Nacionalidade apresentavam-se a jogar como angolanos. O ministro do Interior, Ângelo Veiga, reconhece existir esse fenómeno no futebol nacional e alerta para responsabilização dos infractores.

NANDO JORDÃO
Presidente do CT da FAF - Negativo

O Conselho Técnico da FAF precisa de melhorar os seus serviços para rectificar o mau trabalho prestado no Girabola passado, que suscitou protestos do 1º de Maio e da União do Uíge. Só por manifesta falta de coerência, a FAF não castigou o Interclube, pois a irregularidade na utilização do seu jogador Paulo Bunga está manifestamente à vista de todos.

Últimas Opinies

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Corrigir o mal no futebol (I)

    A semana passada terminei o artigo com a seguinte sentença: “(…) é importante mudar de estratégia

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Mais um falso arranque do Interclube

    Para o desalento dos prosélitos do futebol sénior masculino, as cortinas do Girabola Zap, versão 2019/20, foram descerradas com máculas na jornada inaugural que, mais uma vez, põem em causa a capacidade organizativa da Federação Angolana de Futebol (FAF), que parece apostada numa competição em que é premiada a instituição que mais erros comete ao longo do “consulado”.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O pas dos amigalhaos

    Foi recentemente anunciada a rescisão contratual do treinador Srdjan Vasilevic com a Federação Angolana de Futebol.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

Ver todas »