Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

14 de Março, 2020
Acho que o Estado deve velar por essas infra-estruturas. Os jogos de futebol devem ser realizados nesses campos. Tratar da relva, reparar toda a infra-estrutura. Tive a oportunidade de acompanhar uma reportagem, feita ao Estádio do Tchiazi, em Cabinda, em que era notório o grau de vandalização.
ABREU \"FLECHA DE CAXITO\" , antigo jogador do Progresso do Sambizanga


Por pouco, não perdi o patrocínio com o meu parceiro, devido à notícia publicada no Jornal dos Desportos. Dibondo Abrão é ainda uma Escola. Por isso, não somos obrigados a pagar taxas. Com a proclamação em Clube Desportivo, estaremos sujeitos à obediência dos Estatutos da Associação de Atletismo de Luanda e pagaremos as quotas.
DIBONDO ABRÃO , proprietário da escola com o mesmo nome


Tivemos um episódio, há dois anos, onde eu tive propostas oficiais e o clube negou. Disseram que teria valorização, mas não tive. A gente voltou a conversar, no ano passado, mas trataram de outras situações com prioridade. Parece que o Lucas Veríssimo não dá tanta atenção. Só peço valorização do clube, que é algo natural acontecer.
LUCAS VERÍSSIMO ”, jogador do Santos FC


Estava ansioso demais. Feliz por ter entrado. Consegui entrar no ritmo do jogo que estava bem pegado, com a equipa deles a sair para tentar marcar o golo. Ajudei a afastar cruzamentos, outras divididas também, consegui trocar passes e aparecer livre. Vou tentar continuar nessa pegada.
VITOR HUGO , defesa do Palmeiras

Últimas Opinies

  • 07 de Abril, 2021

    Ida ao Mundial marcou o futebol

    Em 2018, a nossa selecção de futebol adaptado trouxe-nos o primeiro troféu de cariz Mundial, ao vencer o campeonato do Mundo.

    Ler mais »

  • 07 de Abril, 2021

    Ganhos que podem ir ao ralo

    A circulação de pessoas e bens, apesar das dificuldades das estradas, faz-se com segurança.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um toque ao desenvolvimento

    O país comemorou ontem mais um ano de paz. Foi a 4 de Abril de 2002 que a Nação angolana presenciou a cerimónia que marcou o fim de um período de guerra que deixou inúmeras cicatrizes.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Os ganhos da nossa vaidade

    Ao assinalarmos 19 anos, desde que o país começou a desfrutar do alívio que só a paz proporciona, não há como não reconhecer os ganhos havidos no sector desportivo neste lapso de tempo.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um retrocesso em alguns casos

    O desporto foi o grande embaixador do país, algumas modalidades assumiram-se como verdadeiros porta-estandartes, dado os feitos protagonizados por algumas selecções nacionais.

    Ler mais »

Ver todas »