Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

23 de Setembro, 2015
Penso que a fuga à despromoção está difícil, mas conseguimos obter um ponto, embora o objectivo era conquistar três, mas temos de reconhecer que jogamos com uma equipa que está na mesma condição, por isso vamos continuar a trabalhar”.


Albano césar,
Progresso Sambizanga

Vamos ver o que pode acontecer nas próximas jornadas, porque ainda faltam quatro jogos e tudo depende dos resultados dos nossos principais concorrentes que se encontram na mesma condição que nós”.

Manuel oliveiira, Domant FC


Já me sinto agostina, mas falta algo para estar devidamente adaptada. No momento de decidir se faço remate ou passe tenho algumas dificuldades. Recebo o apoio das colegas e em breve vou estar totalmente familiarizada com o modelo de jogo do meu clube”.

Nucha cangovi, jovem andebolista do 1º de Agosto


Tenho confiança de que vamos rectificar a queda de rendimento nas próximas corridas. Estou feliz com o trabalho que fiz em Singapura, pilotei o mais forte que podia, fiquei o tempo todo à frente do meu companheiro”.


Lewis hamilton, líder do Mundial de Pilotos de F-1


A PERGUNTa DO DIA
O Kabuscorp do Palanca foi um justo vencedor diante do Petro de Luanda, em jogo pontuável para a 26ª edição?


A imprensa desportiva criticou fortemente a atitude do árbitro principal “Dungula”, durante o jogo Kabuscorp - Petro de Luanda. O juiz teve o descaramento de anular o único golo do Petro de Luanda marcado por Jiressi aos 66 minutos, o que acabou por ditar a derrota da equipa petrolífera.


Edivaldo Benedito, estudante

O factor casa foi predominante para a equipa vice- campeã, Kabuscorp receber e somar os três pontos, diante da formação com mais títulos pelo Girabola, Petro de Luanda que infelizmente vinha também de uma derrota. O resultado poderia ser um empate para mim.


Adão Pedro, relações públicas


Acho que matematicamente o Kabuscorp ainda sonhava com o título, daí o seu ímpeto para a vitória. Marcou um golo contra nenhum do adversário e terminou na condição de vencedor, embora o Petro se possa queixar da arbitragem do jogo.


José João, funcionário público

Últimas Opinies

  • 18 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Temos de nos preparar bem para o jogo que será decisivo e estou convicto que iremos fazer este trabalho em conjunto, não temos muito tempo, agurada-nos um trabalho sério contra uma selecção que perdeu todas as partidas.

    Ler mais »

  • 18 de Março, 2019

    L se foi o sonho...

    O Petro de Luanda, até ontem o único sobrevivente angolano nas Afrotaças, não conseguiu evitar a derrota frente ao Gor Mahia FC do Quénia, em Nairobi, num jogo em que estava “condenado” a não desperdiçar, na totalidade, os pontos em discussão.

    Ler mais »

  • 18 de Março, 2019

    Os estreantes e o ritual de integrao

    Igor Vetokele regressa aos Palancas Negras, depois de muito tempo.

    Ler mais »

  • 16 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Eu já vi três vezes o jogo, muito sinceramente deu para ver alguma coisa na atitude e reacção de certos jogadores.

    Ler mais »

  • 16 de Março, 2019

    Operao Botswana

    A Selecção Nacional de futebol em honras concentra-se amanhã, a noite, tendo em vista a derradeira jornada do Grupo I da campanha para o Campeonato Africanos das Nações deste ano, a decorrer entre 21 de Junho e 19 de Julho no Egipto.

    Ler mais »

Ver todas »