Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

01 de Outubro, 2015
Antes de tudo, dizer que enquanto for possível matematicamente vencer o campeonato, vamos acreditar no título. Sobre o jogo, foi uma vitória sofrida. Enfrentamos uma equipa jovem que correm muito, mas conseguimos o resultado, que nos interessava para os nossos objectivos.


FILIPE NZANZA , treinador adjunto do 1º de Agosto

Felizmente conseguimos corrigir os erros cometidos frente ao Egipto. Melhoramos as nossas percentagens nos lançamentos a longa e curta distâncias, assim como os lançamentos livres.

JAIME COVILHÃ , seleccionador feminino de basquetebol


Os árbitros foram recordados de que devem ser muito cuidadosos na avaliação de cortes que possam colocar em risco a segurança de um jogador, mesmo quando a bola tenha sido jogada, para tomarem as acções necessárias. Não é uma instrução nova, já que nada mudou nas Leis do Jogo ou na sua interpretação.


PIERLUIGI COLLINA , responsável máximo do Comité de Arbitragem da UEFA


Quero fazer estas duas épocas, que tenho no contrato, espero jogar ao mais alto nível. Depois retiro-me. Não sou aquele tipo de jogador que anuncia um ano antes que vai reformar-se para depois fazer uma época de despedida: é a pior coisa que consigo imaginar.


DIRK NOWITZKI, jogador da NBA ao serviço do Dallas


A PERGUNTA DO DIA
O Jornal dos Desportos ao publicar edições referentes ao "ANGOLA 40 ANOS" reaviva a memória colectiva sobre o desporto nacional?


A história política e a desportiva nacional devem ser contadas ao pormenor para o bem da nação. Trata-se de uma realidade que leva os mais velhos a reviverem o passado, para despertar os estudiosos e educar as crianças.

Cândido Vimbembe, gestor de marketing


Ao publicar textos de natureza desportiva, acontecimentos que ocorreram nos anos que se seguiram à independência, mostra-nos o quanto é importante apostar neste grande sector. Pois estes feitos devem ser conhecidos e seguidos por todos os desportistas e vindouros.


Simão César, agente de relações públicas


A leitura que procuro fazer todas as quartas-feiras, data marcada para a única edição semanal do "ANGOLA 40 ANOS" na página 15, ajuda-me muito. Pois para além de vender jornais, hoje consigo debater com conhecimento de causa, o antes e o depois do desporto nacional.

José Pessoa, ardina

AVALIAÇAO JD
DRAGAN JOVIC
Treinador do 1º de Agosto Positivo-O 1º de Agosto recusa atirar a toalha ao relvado, como forma de dar o título de mão beijada ao Recreativo do Libolo. A equipa militar do "rio seco" beneficiou ontem do empate dos libolenses na sua própria casa e com a vitória sobre o Bravos do Maquis adiou a consagração do campeão.

ALBERTO CARDEAU
Bravos do Maquis Negativo- O Bravos do Maquis dificilmente vai conseguir evitar a despromoção, não obstante o esforço titânico dos seus jogadores e elementos da sua direcção. Com apenas 26 pontos na tabela de classificação, os maquisardes estão no grupo de equipas a serem despromovidas e só um milagre pode salvar o conjunto.

Últimas Opinies

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Corrigir o mal no futebol (I)

    A semana passada terminei o artigo com a seguinte sentença: “(…) é importante mudar de estratégia

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Mais um falso arranque do Interclube

    Para o desalento dos prosélitos do futebol sénior masculino, as cortinas do Girabola Zap, versão 2019/20, foram descerradas com máculas na jornada inaugural que, mais uma vez, põem em causa a capacidade organizativa da Federação Angolana de Futebol (FAF), que parece apostada numa competição em que é premiada a instituição que mais erros comete ao longo do “consulado”.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O pas dos amigalhaos

    Foi recentemente anunciada a rescisão contratual do treinador Srdjan Vasilevic com a Federação Angolana de Futebol.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

Ver todas »