Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Citaes

10 de Setembro, 2018
Foi necessário ajustar o nosso modelo de gestão e de liderança, em função das circunstâncias impostas pelo mercado. Pelo terceiro ano consecutivo, colocamos as modalidades nucleares no topo do desporto nacional. O andebol feminino regressou às provas africanas e com vitória. Quer dizer que o modelo funciona.
Tomás Faria , presidente do Petro de Luanda
Devemos nos unir mais e não ficar pelas polémicas, como vimos assistindo nos últimos dias. Nem tudo está mal no basquetebol, pois, mesmo diante das dificuldades financeiras que o país vive, conseguimos competir em todas as provas internacionais, apesar de não atingirmos os objectivos.
Hélder Cruz “Maneda” , presidente da Federação Angolana de Basquetebol
Sabíamos das nossas limitações, e isso, iria cobrar-nos à dada altura do campeonato. Então, foi planificado entrar bem na competição e cumprir com aquilo que era a exigência da direcção: atingirmos os pontos que poderiam nos garantir a permanência o quanto antes.
Mário Soares , treinador do Desportivo da Huíla
Fizemos o possível de chegar à meta. Acredito, que não nos impusemos, tal como aconteceu com outras equipas, porque faltou experiência e no momento certo, a matreirice, até mesmo dos dirigentes e jogadores, sobretudo, nos jogos em casa. Em todo o caso, a avaliação que faço é positiva, da maneira como superamos a etapa da primeira participação.
Domingos António , presidente do Domant FC do Bengo

Últimas Opinies

  • 25 de Abril, 2019

    Mais do que os resultados

    Muito gostaríamos, que o assunto desta edição do “Desporto no Texto” estivesse relacionado com a saga vitoriosa que o 1ºde Agosto está a demonstrar nas mais diversas modalidades, com destaque para o andebol sénior feminino e o basquetebol sénior  masculino, que, nos últimos dias, expressaram, em campo, a razão do investimento que está a ser feito pela direcção do clube.

    Ler mais »

  • 25 de Abril, 2019

    Depois da tempestade vem a abonana

    A medida que os anos vão passando, é cada vez mais evidente que para tudo há um tempo determinado. Sim, há tempo para chorar e tempo para rir, tempo para  plantar e tempo para colher….e assim por diante.

    Ler mais »

  • 25 de Abril, 2019

    Cartas dos Leitores

    Penso, que estamos numa série que aparentemente parece ser acessível, mas é difícil

    Ler mais »

  • 22 de Abril, 2019

    O desporto cada vez mais estratgica para o marketing!

    Apesar do marketing desportivo ser um conceito relativamente recente e não ser ainda linear, entre os académicos e os profissionais da área, é de acordo comum que, se o marketing visa tornar um produto/serviço mais atraente aos olhos do seu público-alvo, o marketing desportivo visa a promoção de uma determinada marca, clube, associação desportiva ou atleta com os mesmos fins.

    Ler mais »

  • 22 de Abril, 2019

    Tem de haver dinheiro para servir os Palancas

    Na suculenta entrevista, que este jornal dá hoje à estampa, nas páginas seis e sete, Oliveira Gonçalves

    Ler mais »

Ver todas »