Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Citaes

15 de Novembro, 2018
Foi a 11 de Novembro de 1975 que fizemos entoar o hino da República e hasteou-se a bandeira da República. A independência foi conquistada com a força da juventude, a bravura dos angolanos e de todos os combatentes, sob a orientação dos mais velhos. Estamos em Novembro e temos campeões.
ANA PAULA SACRAMENTO, ministra da Juventude e Desportos
Estamos num momento histórico do nosso país, porque estamos a dois dias da proclamação do aniversário do Comité Paralímpico e a três da nossa independência. Estes bravos atletas, ontem soldados, com arma na mão para defender a nossa pátria e hoje como deficientes de guerra defenderam o orgulho de uma nação.
LEONEL DA ROCHA PINTO, presidente do CPA
É realmente indecente para mim, que venho de uma família bastante modesta. É certo que é indecente, mas o mercado é assim e o mundo do futebol regula-se desta forma. Eu não vou revolucionar o futebol. Eu estou inserido num sistema, tu tens que saber como respeitá-lo e saber qual é o teu lugar também.
KYLIAN MBAPPÉ, atacante do Paris Saint-Germain
Nunca pensei sair do meu país, e quem me conhece sabe-o bem. Ou melhor, pensei que podia sair por uma ou duas razões: ou era para um clube da Europa ou por uma questão financeira. Não saí para a Europa e posso dizer que o Sporting gastava mais dinheiro comigo do que aquele que o Al Hilal me paga. A verdade é que saí.
JORGE JESUS, treinador do Al Hilal da Arábia Saudita

Últimas Opinies

  • 21 de Setembro, 2019

    Craques que buscam afirmao alm-fronteiras

    É por demais sabido, que a história do futebol angolano regista o nome de ex-jogadores, que ajudaram a elevar o nome do país além-fronteiras.

    Ler mais »

  • 21 de Setembro, 2019

    Talentos angolanos ofuscados na dispora (?)

    Hoje, neste espaço assinado “A duas mãos”, concordamos escrever sobre um assunto de suma importância e que merece a nossa atenção, até porque, sem desprimor para outros, as questões sobre os futebolistas angolanos que actuam na diáspora, com particular destaque para os novos talentos que têm, nos últimos tempos, preenchido largos espaços na média desportiva e não só.

    Ler mais »

  • 21 de Setembro, 2019

    Cartas dos Leitores

    Os adversários são bons, os grupos são fortes e têm boas selecções.

    Ler mais »

  • 21 de Setembro, 2019

    Crise petrolfera

    Há maus ventos no Petro Atlético de Luanda

    Ler mais »

  • 19 de Setembro, 2019

    Futebol nacional deve ser revolucionado? (II)

    A semana precedente fechei o texto com o seguinte argumento: “A meu ver, já não se pode gastar dinheiro em vão com o futebol.

    Ler mais »

Ver todas »