Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Citaes

11 de Fevereiro, 2019
As coisas já não são mais como eram no nosso tempo, mas há pessoas, como o Rui Araújo e outras que estiveram na fundação do clube, que poderiam ser chamadas, neste período conturbado, para darem o seu apoio para que a equipa consiga recuperar a sua mística
NZUZI ANDRÉ , antigo defesa do 1º de Maio e dos Palancas Negras

Vejo o futebol hoje com muita tristeza e lamento o actual estado da modalidade. O futebol em Angola baixou de nível e está cada vez pior. Curiosamente, mesmo com aumento do nível de conhecimento de muitos treinadores
TEÓFILO MONIZ , antigo atleta de futebol

Estamos a trazer jovens jogadores à equipa, porque precisamos continuar esta era de sucesso. Essa é a nossa responsabilidade. Meu mandato será finalizado em duas temporadas. Então preciso deixar o clube numa boa posição e dizer ao novo presidente, que este é o nosso legado
JOSEP BARTOMEU , presidente do Barcelona

Eu já disse \'hasta luego\'. Agora tenho um novo desafio para enfrentar e as ferramentas certas para vencer, enquanto na F1 não havia condições de fazer o mesmo. Não tenho planos para 2020. Claro, ganhar um terceiro título seria a maior alegria
FERNANDO ALONSO , ex-piloto da Formula 1

Últimas Opinies

  • 18 de Novembro, 2019

    Palancas: mais "frangos" e "promessas de bacalhau"

    Paulo Gonçalves ainda não limou as arestas que sobressaem entre os vários sectores dos Palancas Negras.

    Ler mais »

  • 18 de Novembro, 2019

    Cartas dos Leitores

    Não podemos agarrar-nos ao que já passou.

    Ler mais »

  • 18 de Novembro, 2019

    Imposio de limites

    Apesar do atletismo ser das modalidades mais representativas do nosso mosaico desportivo não é menos verdade que a sua acção se faz sentir com maior impacto quando se chega a esta fase do ano, em que se coloca em funções a máquina organizadora da tradicional corrida de fim de ano, São Silvestre.

    Ler mais »

  • 16 de Novembro, 2019

    Haja resilincia mas com seriedade

    A campanha dos Palancas Negras rumo ao Campeonato Africano das Nações (CAN) de 2021, que Camarões irá organizar, pode ser de todo ofuscada, se acreditarmos que Angola, o nosso País, tem valor real e imensa qualidade em termos futebolísticos, mas sobretudo não tem o essencial: organização e seriedade.

    Ler mais »

  • 16 de Novembro, 2019

    Palancas devem ser destemidos no Gabo

    No seu retorno a mais uma campanha para atingir a elite do futebol continental, Angola joga amanhã frente à congénere do Gabão em Franceville, uma cartada importantíssima rumo aos Camarões-2021, depois do dissabor que experimentou diante da Gâmbia.

    Ler mais »

Ver todas »