Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Citaes

26 de Fevereiro, 2018
A equipa do 1º de Maio defendeu bem. Tivemos várias oportunidades e não conseguimos marcar. Houve uma certa ineficácia na concretização das oportunidades que ditou o empate. Também os jogadores adversários tiveram um comportamento de anti-jogo, ao caírem constantemente no relvado.
BETO BIANCHI , treinador do Petro de Luanda

Queríamos ganhar e nas ocasiões necessárias não conseguimos marcar. O resultado seria melhor, caso marcássemos nos momentos cruciais do desafio, em que os nossos jovens jogadores demonstraram uma certa inexperiência. Defrontamos uma grande equipa do Petro, mas queríamos ganhar. Por isso, não estamos satisfeitos, apesar do empate.
AGOSTINHO TRAMAGAL , 1º de Maio

O JGM está bastante motivado e demonstrou, durante o jogo, ter um sector defensivo mais aguerrido, além do atrevimento ofensivo. A nossa vitória deveu-se ao facto de termos aproveitado, bem, os erros do adversário.
SÉRGIO TRAGUIL , Kabuscorp do Palanca

Os avançados não conseguiram finalizar nos momentos decisivos do jogo, por isso é que perdemos. Criamos algumas oportunidades de golo.
ÀGUAS DA SILVA , JGM do Huambo

Últimas Opinies

  • 09 de Dezembro, 2019

    Ruben chegou, viu e permaneceu

    O técnico argentino Rúben Garcia é o técncio estrangeiro que mais tempo esteve no  Girabola.. Desembarcou em 1982 para estar ao serviço do  1º de Maio de Benguela, para, depois,  orientar a  Académica do Lobito, FC.

    Ler mais »

  • 09 de Dezembro, 2019

    Do amor ideologia, devoo ao dinheiro

    Ler mais »

  • 09 de Dezembro, 2019

    Prova influenciou a media desportiva

    O “Girabola”, pode-se agora afirmar, influenciou sobremaneira a formação da Redacção Desportiva da RNA. Aquele mencionado quinteto de radialistas havia-se tornado insuficiente para a demanda, sobretudo a partida dos dois últimos.

    Ler mais »

  • 09 de Dezembro, 2019

    Notas da Histria do nosso futebol

    A história oficial do futebol angolano teria de  começar pelas décadas de 1920-30-40, porém, vamos aqui cingir-nos ao tempo de Angola já independente. E não se iria festejar a independência sem se jogar à bola; seria incaracterístico de um povo amante do futebol.

    Ler mais »

  • 09 de Dezembro, 2019

    Arbitragem de poca em poca

    A história do Campeonato Angolano de Futebol, Girabola, como também é conhecido, é repleta de factos curiosos em termos de arbitragem. O campeonato é considerado por muitos especialistas do futebol, como um dos mais disputado do nosso Continente, o que é diferente de ser o melhor.

    Ler mais »

Ver todas »