Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Crise no desporto

13 de Outubro, 2016
A crise financeira em Angola provocada pela quebra do preço da principal fonte de receitas do país, o petróleo, desde Junho, veio desregular as contas de todos os angolanos.

A nova configuração global, diga-se, é o ponto de partida das análises da economia angolana e dá o tom de um duplo movimento, que aponta um futuro recessivo, ou até menos elementos catastróficos na economia nacional, que conflui internamente numa queda de investimentos, maior inflação, mais desemprego, queda no consumo, com uma queda na economia internacional e impacto em economias de fortes influências no país.

O desporto, no seu todo, não está alheio à crise. Quando vemos na televisão, nos jornais ou em revistas, o sucesso alcançado por alguns clubes, ou por algumas selecções nacionais, nesta ou naquela modalidade, a ideia que nos dá é que o nosso desporto está alheio ao fenómeno. A realidade é bem diferente.

Não existe nada que nos tire o sono, que as dificuldades financeiras. Elas não só tiram o sono, mas também a nossa paz e atrapalha tudo quanto programamos, gera impaciência, e em muitos casos depressão. A crise está a marchar em ritmo avassalador, e o nosso Girabola não está impune ao fenómeno, que está a agitar, inclusive, as grandes potências mundiais.

Alguns clubes que disputam a actual edição do Girabola, ponderaram abandonar a competição por falta de meios financeiros, para suportarem os seus gastos. Contudo, não se sabe como se mantêm em prova.

A vida de um clube com menos investimentos e que não tem por detrás um suporte financeiro de grande porte, é árdua.Esta realidade pode levar mesmo esses clubes a pressionar, principalmente, a direcção da FAF, para evitar a respectiva bancarrota e a falência do sistema desportivo que suporta o principal campeonato do país.
Policarpo da Rosa

Últimas Opinies

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Petro escorregou Vasiljevic j era

    O grande Petro já  atemoriza os seus adeptos em poder continuar a fazer travessia no deserto neste seu “hibernar” sem título desde 2009: empatou mesmo depois de o presidente.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Penso, que não há  muitas alterações  em relação aos candidatos, o 1º de Agosto procura o Penta e o Petro luta para quebrar o jejum de 10 anos, sem conquistar o campeonato.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Girabola de todos

    Soltaram-se assobios, no último fim-de-semana. Voltou aos palcos nacionais, o futebol de primeira grandeza. Ou seja, o campeonato nacional da primeira divisão, o nosso Girabola.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O segundo pecado da FAF

    A direcção de Artur Almeida e Silva acaba de cometer o segundo pecado, na gestão dos destinos da Federação Angolana de Futebol(FAF). O primeiro, assenta na desorganização que já a caracteriza.

    Ler mais »

Ver todas »