Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Eu tenho um sonho

01 de Fevereiro, 2020
Ainda faço memória da primeira festa depois que demos o pontapé de saída. Isto é, quando tirámos o número zero do Jornal dos Desportos tivemos e a empresa promoveu um solene acto, ali à entrada da Ilha do Cabo, no restaurante Costa do Sol, onde esteve orgulhosamente presente parte da nata dirigente do nosso associativismo desportivo.
Conforme ainda são vistos em amena cavaqueira, em meio de champanhe, nesta fotografia já carcomida pelo tempo, emprestaram prestigio ao acto, no Restaurante Pôr do Sol, à entrada da Ilha do Cabo - da direita a esquerda - estão o autor destas linhas (Félix), João Teixeira (presidente da Federação Angolana de Atletismo) Oliveira Gonçalves ( jornalista da Rádio 4 e do A Bola), António Ferreira \"Aleluia (1º chefe de redacção), Rogério Silva (presidente do Comité Olímpico Angolano e da Federação Angolana de Xadrez), e José Junça ( Presidente da Federação Angolana de Vela).
Eu, em relação a este Jornal dos Desportos, tenho um sonho, que não gramava um dia levar com ele à tumba. Se umdia a distinção acontecer, então confesso que alguém o exaltaria na jornada do meu funeral, dizendo que fiz parte da obra. É o sonho de ver o Jornal dos Desportos vencer um prémio de vulto a nível do jornalismo.
Só sei dizer que o punhado de jornalistas da Edições Novembro que há 26 anos o \"desabrocharam-no\", sabiam (e sabem ainda) que em boa verdade não é a imprensa desportiva que inventou o desporto.
Mas continuam a saber que a boa imprensa desportiva (e entre nós o Jornal dos Desportos é bom jornal) nestes anos todos de existência tem contribuído, mal ou bem, para o aumento do espectáculo, da competitividade, das polémicas e educação desportiva na nossa terra. Defendo que, de agora em diante, com as mudanças que se advinham na estética gráfica e no corpo redactorial...se agregue aos valores da notícia, aos valores reportagens, aos valores da entrevista, aos valores do comentários, o seguinte: valor comercial sem sensacionalismo. António Félix

Últimas Opinies

  • 19 de Março, 2020

    Escaldante Girabola

    O campeonato nacional de futebol da primeira divisão vai dobrando os últimos contornos. A presente edição, amputada face a desqualificação do 1º de Maio de Benguela, abeira-se do seu fim . Entretanto, do ponto de vista classificativo as coisas estão longe de se definirem. No topo, o 1º de Agosto e o Petro travam uma luta sem quartel pelo título.

    Ler mais »

  • 17 de Março, 2020

    Cartas dos leitores

    Estamos melhor do que nunca. A pressão é para as pessoas que não têm arroz e feijão para comer. Estamos sem pressão, temos todos bons salários e boas condições de trabalho. Estamos numa situação de privilégio e até ao último jogo tivemos apenas duas derrotas.

    Ler mais »

  • 17 de Março, 2020

    Jogos Olmpicos2020

    A suspensão de diferentes competições desportivas a nível mundial em função do coronavírus, já declarada pela OMS-Organização Mundial da Saúde como Pandemia, remete-nos, mais uma vez, a reflectir sobre a realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Pelo menos até aqui, o COI-Comité Olímpico Internacional mantém de pé a ideia de realizar o evento nos prazos previstos.

    Ler mais »

  • 14 de Março, 2020

    FAF aquece com eleies

    Cá entre nós, o fim do ciclo olímpico, tal com é consabido, obriga, por imperativos legais, por parte das Associações Desportivas, de um modo geral e global, a realização de pleitos eleitorais para a renovação de mandatos.

    Ler mais »

  • 14 de Março, 2020

    Cartas dos Leitores

    Acho que o Estado deve velar por essas infra-estruturas.

    Ler mais »

Ver todas »