Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Sistema Tctico versus Cultura Tctica

22 de Setembro, 2013
O esquema táctico é um elemento de organização táctica muito antigo, ainda antes dos métodos ou processos de jogo passarem a ser termos usuais. O primeiro esquema táctico era 1-2-7, numa época em que os jogadores passavam a bola e apenas corriam.

Ao longo da história do futebol, o esquema táctico tem variado imenso, transitando jogadores ofensivos para sectores mais recuados, uma vez que as equipas procuram cada vez mais a vitória e não uma soma de golos.

Porque quando nos referimos a organização táctica no futebol, é natural confundir com esquema táctico que uma equipa usa, também chamado sistema de jogo ou dispositivo táctico. No entanto, a maioria não sabe que o sistema táctico não representa qualquer processo de jogo e nem sequer representa algum método de jogo.

Cada esquema táctico apenas representa a distribuição dos jogadores no campo, portanto, a partir dai, constroem-se os processos de jogo que a equipa vai utilizar durante uma partida de futebol, entre os quais há a destacar alguns que a FIFA elegeu como sendo aqueles que fazem parte do grupo dos mais utilizados por alguns técnicos conceituados, como Fergurson, Mourinho, Guardiola, Anceloti, Simeoni, só para citar estes, que são: o 4-3-3 (Futebol Total); 4-4-2/variante; 4-1-2-1-2 (Diamante); 1-4-3-2 (Catanaccio) e o 4-3-2-1 (Árvore de Natal).

Sendo que estes esquemas tácticos são representados em três sectores a destacar: Defesa, Meio-Campo e Ataque, dando assim a estrutura inicial para que a equipa comece a construção e o processamento de todas jogadas, tanto ofensivas como defensivas. E desta forma cada número representa um esteio do campo, a defesa, o meio-campo e o ataque. Por vezes, existe ainda a disposição por linhas de marcação, onde a representação é feita com quatro, cinco ou seis números, como 4-2-3-1 ou 4-1-2-1-2. Às vezes o guarda-redes também faz parte do esquema táctico, ficando 1-4-1-2-1-2 ou 1-4-3-2-1.

Além disso, há vantagens em definir num esquema táctico para uma equipa, sendo que o esquema de jogo é uma forma de organização, assim como o são os métodos de jogo ou os processos de jogo. Uma das vantagens é a forma de organizar os jogadores pelo campo. Cada jogador sabe que posição ocupa e assim sabe também qual é a função que deve desempenhar. E outra é que o esquema táctico auxilia imenso na cultura de jogo, uma vez definida a posição e função dos jogadores, será bem mais fácil decidir e ler os processos que acontecem durante uma partida de futebol.

Portanto, no mundo do futebol existem imensos esquemas tácticos, desde os defensivos até aos ofensivos. O treinador tem imensas opções por onde escolher. Para um treinador com mentalidade defensiva, esquemas como 4-3-2-1, 4-4-2, 5-4-1 ou 5-3-2 são excelentes opções a ter em conta. Por sua vez, 4-3-3, 4-2-4 e 3-3-4 são esquemas tácticos para equipas ofensivas. Actualmente o 4-3-3 e o 4-5-1 são os esquemas mais usados e conhecidos, devido a uma elevada dinâmica ofensiva e defensiva, assim como a transição entre os dois esquemas com facilidade.

Mais do que tudo isso, é importante saber definir um esquema táctico, por isso o treinador deve ter em conta vários pormenores para definir um esquema táctico para a sua equipa. Existem plantéis cujos jogadores para um sector são mais numerosos em relação aos restantes sectores.
(*) Treinador Nível 1
MANUEL CACULO (*)

Últimas Opinies

  • 17 de Agosto, 2019

    Girabola Zap periclitante

    A festa do futebol está de regresso. Com o retorno do Campeonato Nacional da I Divisão, vulgo Girabola Zap 2019/2020, a alegria do povo volta à ribalta e com ela a euforia, a competitividade.

    Ler mais »

  • 17 de Agosto, 2019

    De volta a febre pelo futebol!...

    Para a alegria dos seus aficionados, está de regresso a maior festa futebol nacional, o Girabola Zap. Uma prova que inflama paixões e leva alegria para os vários estádios espalhados pelo país.

    Ler mais »

  • 17 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Estamos mais preocupados com a integração dos novos atletas  e perceber qual o momento desportivo e a partir daqui,  entrar numa outra fase de desenvolvimento e novamente.

    Ler mais »

  • 17 de Agosto, 2019

    Baptismo do Wiliete

    Depois da abertura ontem da 42ª edição do Campeonato Nacional de Futebol da I Divisão, vulgo Girabola Zap, com o jogo Clube Desportivo da Huíla (CDH) - FC Bravos do Maquis.

    Ler mais »

  • 15 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Se até agora estivéssemos com as estratégias todas consolidadas, com os atletas em boa forma física e excelente dinâmica, podia também nalguns casos.

    Ler mais »

Ver todas »