Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Ausncia do CAN

19 de Outubro, 2016
A Confederação Africana de Futebol anunciou para hoje a realização do sorteio do CAN'2017, cuja fase final está prevista para Janeiro e Fevereiro do próximo ano, sem a presença de Angola, só com a Guiné Bissau como único país dos PALOP, em competição. A ausência dos Palancas Negras na maior cimeira do continente, não deixa de ser significativa, Angola sempre foi um inquilino assíduo nas últimas competições, embora os resultados ficassem aquém do esperado.

Estar sempre em fases finais do CAN deu ao país uma outra visibilidade a nível de África, o respeito granjeado pelos Palancas Negras foi notório, dado que o país teve a oportunidade de nesses anos desfilar ao lado das melhores equipas continentais, muitas delas com estatuto mundialista.

A ausência de Angola no sorteio de hoje, em que as equipas qualificadas ficam a conhecer os adversários e os grupos em que passam a inserir, é apenas corolário da degradação acentuada do futebol nacional que acaba por ter reflexos na prestação negativa das Selecções Nacionais, nas diversas competições, excepção feita à equipa de sub-17 que conseguiu este ano carimbar o passaporte para o CAN de Madagáscar em 2017, e com os clubes nacionais a apanharem por medida, principalmente aquando da sua participação nas Afrotaças em que sempre chegam às competições com poucos jogos nas pernas, ao contrário dos seus adversários mais rodados por altura do arranque das competições da CAF, a nível de clubes.

A Federação Angolana de Futebol vota a gerência em Dezembro, e dois candidatos assumiram publicamente a intenção de concorrerem ao pleito eleitoral, alinhados nos discursos que assentam na necessidade de inverter o quadro em que o futebol está mergulhado. De facto, o quadro não é nada animador, e a queda constante dos Palancas Negras no ranking internacional da FIFA espelha bem o actual momento. O futebol precisa de ser reajustado, com políticas de desenvolvimento mais adequadas, do topo à base.

Longe de lamentar a ausência, o importante é que se reflicta nas causas que estão na base do descalabro, e que o novo inquilino da FAF e seus acompanhantes tenham a humildade de juntamente com os restantes agentes desportivos e homens ligados ao desporto - rei, desenharem o figurino que recoloque o futebol angolano no caminho certo.

Últimas Opinies

  • 21 de Março, 2019

    Um regresso depois de quase dez anos

    Volvidos quase dez anos, volto a assumir uma missão como enviado especial do Jornal dos Desportos, título para o qual escrevo desde o ano de 1997, e que nesse momento assumo o cargo de editor, depois de já ter sido sub-editor e correspondente provincial.

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    A eliminao do Petro e o tal patriotismo

    Terminada a participação Petro de Luanda, na Taça Nelson Mandela, é normal que por esta altura, esteja a ser feita uma profunda reflexão em torno da participação na referida competição africana, nos mais diversos aspectos que ela comporta, sem descorar, portanto, a (des) continuidade do técnico Beto Bianchi, que mais uma vez não conseguiu o troféu de uma competição em que esteve envolvido. 

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Palancas Negras de olhos no Egipto

    A Selecção Nacional de futebol honras, vulgo Palancas Negras, só depende de si para chegar à fase final do Campeonato Africano das Nações (CAN) de 2019, que vai ser disputado no Egipto.

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Procuramos fazer tudo para vencer o jogo, mas não conseguimos, porque o adversário  (Recreativo do Libolo) foi competente e inteligente, assim como conseguiu aproveitar as nossas falhas defensivas e, em lances de bolas paradas, marcaram os dois golos.

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Zebras para domar...

    A Selecção Nacional de futebol de honras, às ordens do sérvio Srdjan Vasiljevic, decide amanhã, em Franciston, Botswana, a qualificação para o Campeonato Africano das Nações (CAN), que o Egipto acolhe de 19 de Junho a 21 de Julho deste ano.

    Ler mais »

Ver todas »