Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Chegou o Girabola

21 de Fevereiro, 2014
Na verdade, constitui sempre motivo de alegria quando a bola volta a rolar eas pessoas retomam os caminhos dos estádios de futebol. Em época da globalização, em que o Mundo se transformou numa pequena aldeia, já ninguém morre por “fome de bola”.

As ligas internacionais aí estão para ocupar o nosso tempo, com futebol alegre e vistoso, mais competitivo e espectacular. Mas, ainda assim, não perdemos a cultura de valorizar o que é nosso. E o Girabola é a sua maior manifestação desportiva.

Há, por tudo isso, razão de sobra para a onda de alegria que domina os amantes de futebol. A ansiedade dos jogadores que esperam dar nas vistas não deve ficar fora das equações. Os técnicos, dirigentes, árbitros, roupeiros e outros intervenientes dão largas à alegria, porque o futebol é festa e nela todos procuram caber.

Durante cerca de nove meses, aqui vamos estar para ver e aplaudir os melhores momentos, os melhores jogos, os melhores “artistas”. Esperamos, à partida, que haja muita disputa pelos lugares cimeiros e acima de tudo muita qualidade futebolística. Aliás, o elevado número de equipas candidatas ao título promete isso mesmo, olhando para o investimento feito na preparação pré-época.

Isto pressupõe, realmente, que há uma grande aposta da parte destas em procurar superar as classificações da temporada passada, no caso daquelas que se quedaram do segundo lugar para baixo. No caso do campeão, o objectivo é único, a revalidação do título, devendo aguentar a concorrência de outras equipas que aspiram ao mesmo objectivo.

Vamos aguardar que assim seja. Vamos também aguardar que o campeonato traga novidades. Isto é, consagre novos ídolos. As novidades dão sempre outra pitada de alegria a qualquer espectáculo, como foi o caso do Desportivo da Huila na edição passada.

Enfim, vamos acreditar no potencial das equipas intervenientes na prova, na esperança de que elas saibam dignificá-la, com futebol de qualidade. Afinal é disto que o povo gosta e espera, é isto que deixa o povo na expectativa de assistir a um bom campeonato.

Últimas Opinies

  • 12 de Dezembro, 2019

    Manter a esperana apesar do mau comeo

    Realizadas as duas primeiras jornadas da Liga dos Campeões Africanos, em que estão envolvidas, em representação de Angola, o Clube Desportivo 1º de Agosto e o Atlético Petróleos de Luanda, reservo-me ao direito de expressar o que penso sobre o desempenho das equipas angolanas, que considero ser deficitário não só em termos dos resultados, mas também da qualidade do futebol apresentado.

    Ler mais »

  • 12 de Dezembro, 2019

    Cartas dos Leitores

    Se for convocado para a Selecção Nacional estarei disponível, porque é um sonho de todo jogador.

    Ler mais »

  • 12 de Dezembro, 2019

    Desafios para 2020

    Hoje estamos a 19 dias do fim do presente ano gregoriano. É hora de se ir olhando para aquilo que foram as conquistas desportivas do ano que se apresta ao fim.

    Ler mais »

  • 09 de Dezembro, 2019

    Cad a liga?

    O ano apressa-se para o seu fim, e nada se conhece sobre a liga. Depois de Pedro Neto, então presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), ter prometido durante todo o seu consulado constituir a prova nacional do futebol numa liga, o certo é que terminou o mandato sem honrar com a sua palavra.

    Ler mais »

  • 09 de Dezembro, 2019

    Ruben chegou, viu e permaneceu

    O técnico argentino Rúben Garcia é o técncio estrangeiro que mais tempo esteve no  Girabola.. Desembarcou em 1982 para estar ao serviço do  1º de Maio de Benguela, para, depois,  orientar a  Académica do Lobito, FC.

    Ler mais »

Ver todas »