Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Futebol em grande

27 de Agosto, 2016
As equipas eleitas, são as do Petro de Luanda, 1º de Agosto, Progresso do Sambizanga e Kabuscorp do Palanca. Pelo nome e prestígio que ostentam, estão criadas as condições para que os amantes do desporto-rei se deleitem com jogos de qualidade.

Desde logo, quiseram os organizadores que para o começo da festa, estivessem em confronto as equipas do Petro de Luanda e do 1º de Agosto, sem dúvida os maiores emblemas do nosso futebol, que coleccionam o maior número de títulos e que se rivalizam há anos, no principal campeonato nacional da primeira divisão.

É certo, que o jogo de hoje não tem a pontuação como para as nossas competições internas, mas espera-se que as equipas se agigantem em busca da vitória, e consequentemente da qualificação para o jogo da final. Aliás, é sabido que quer o conjunto do "Eixo -Viário", quer o do "Rio Seco", padecem de ambição ganhadora e não entram em nenhuma competição com outras intenções.

De resto, é isto que interessa, a natureza da data que se pretende assinalar, faz todo o sentido que o torneio seja marcado por futebol de qualidade, não é sem razão que os organizadores trataram de seleccionar equipas com algum histórico na praça futebolística nacional, embora em termos de conquistas não se situem ao mesmo nível.

Portanto, hoje e amanhã Luanda vai vibrar com as emoções do torneio da Fesa, espera-se que para lá do espírito competitivo, o "Fair - Play" marque presença. O futebol doméstico está a enfermar graves problemas de arbitragem, situação que coloca em alvoroço o Conselho Central de Arbitragem, que conjuga esforços no sentido de corrigir a situação.

Não queremos que os problemas do Girabola cheguem a este torneio. Espera-se por uma prova marcada por futebol de qualidade aceitável, onde só a supremacia em campo deve influenciar o resultado. Às vezes, é preciso partir-se para este tipo de advertência, porque coisas más entre nós estão tão viciadas, que mesmo em jogos de recreação pode haver tendência em falsear resultados.

Competitivamente falando, pensamos que qualquer uma das quatro equipas apresenta-se em condições de arrebatar o troféu. Certo que se nos basearmos na classificação actual do Girabola, pode-se ter o 1º de Agosto e Petro de Luanda, como os mais favoritos. Mas se é verdade, como nos constou, que estas equipas podem alinhar com as suas reservas, então, temos motivos para olhar para as quatro concorrentes, na mesma perspectiva.

Enfim, temos um sábado futebolístico em cheio. Para além do Petro -1º de Agosto, vamos ter ainda o Progresso -Kabuscorp do Palanca, sendo que os vencedores dos dois encontros disputam amanhã o troféu principal deste torneio.

Últimas Opinies

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Quem explica o desporto angolano?

    O nosso desporto merece um estudo profundo, para se encontrar explicações que justifiquem os resultados que vai tendo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    No nosso grupo (A),  somos a única selecção (Angola) que tem a sua primeira participação  a este nível. Canadá vai para a sua sétima, Nova Zelândia.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Objectivo falhado

    Angola não conseguiu alcançar o objectivo preconizado no Mundial de Hóquei em Patins, que se disputou em Barcelona, Espanha, acabando por se quedar na sexta posição.

    Ler mais »

  • 13 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    Vamos entrar para o campeonato em cada jogo para ganhar, nós queremos começar bem, com o pé direito. Como sabem, já temos o calendário.

    Ler mais »

Ver todas »