Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Luta pelo ttulo relanada

29 de Setembro, 2014
A luta pelo título do Girabola está relançada, pois, e apesar dos oito pontos de vantagem que levava sobre o segundo classificado, o actual comandante da prova não tinha, ainda, motivos para encomendar as faixas de campeão, porque muita coisa ainda podia e pode acontecer.Na condição de líder do campeonato, o Recreativo do Libolo é, por esta altura, o conjunto mais regular em termos de resultados, pelo que a vantagem que leva assenta-lhe, perfeitamente, e não oferece dúvidas a quem quer que seja.Só que oito pontos de vantagem, numa altura em que estavam em disputa dezoito, não são suficientemente seguros para uma equipa adormecer, numa prova que é lesta em proporcionar surpresas.

Bastou ao Libolo empatar fora de casa para a luta pelo título ganhar novos atractivos. O Kabuscorp, que até então se deixava contagiar pelos atrasos do Libolo, não aproveitando, da melhor forma, alguns empates por este consentidos, resolveu dar um esticão no topo, apesar de ter sofrido para conseguir os três pontos que relançaram a luta pela conquista do troféu do presente campeonato.Quebra-se, pois, a ideia que eventualmente pairou em alguns círculos de que a coisa estava já definida, com um vencedor anunciado por esta altura, como se os outros candidatos, particularmente o Kabuscorp, tivessem perdido a capacidade de reacção, e iam apenas cumprir calendário nas jornadas que faltavam disputar.

Durante algumas jornadas, o Libolo conseguiu manter o segundo classificado à distância, com uma vantagem que dava para respirar sem suspiros fundos. Agora, com o rival um pouco mais perto, a curiosidade reside em saber como é que a formação de Calulo vai reagir ao novo assédio que a formação do Palanca vai, certamente, tentar encetar na tentativa de mudar as coisas no topo.O campeão em título, na voz do seu presidente, prometeu luta até ao fim para a definição do campeão nacional, antes mesmo da disputa da jornada que em termos de pontos deu outro figurino na parte mais alta da tabela e as jornadas que se seguem vão trazer consigo uma dose redobrada de interesse.

Em termos de calendário, o Libolo parece mais bafejado pela sorte que o rival, pelo menos nas próximas duas jornadas, já que vai ter pela frente duas equipas do fundo da tabela (Sporting de Cabinda em casa e 1º de Maio fora), enquanto o Kabuscorp tem de lutar pela vida nos jogos com duas equipas da capital, Benfica e Interclube.De resto, e mesmo diante de todas as cogitações que se possam fazer, é consensual que o Libolo depende apenas de si para alcançar o seu terceiro título no Girabola. É só ter arte para manter os seis pontos de vantagem sobre o mais directo perseguidor.

Últimas Opinies

  • 20 de Julho, 2019

    Acesso ao Qatar

    Apesar da qualificação inédita numa fase final de um Mundial de Futebol, algo que ocorreu curiosamente em 2006, edição organizada pela Alemanha, a Selecção Nacional.

    Ler mais »

  • 20 de Julho, 2019

    O honroso sexto lugar do nosso hquei em patins

    A recente participação de Angola no Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins, que decorreu em Barcelona, Espanha, e que o nosso país se classificou em sexto lugar.

    Ler mais »

  • 18 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    No nosso período pré competitivo, nesta segunda quinzena de Julho, já queria ir para uma paragem, onde tivesse campos e equipas para realizarmos jogos.

    Ler mais »

  • 18 de Julho, 2019

    Final interessante

    Um mês depois de fortes emoções vividas nos estádios e em outros espaços fora e longe dos centros de disputa,  vamos ter,  finalmente,  amanhã dia 19, o cair do pano da XXXII edição do Campeonato Africano das Nações de futebol, organizado pelo Egipto.

    Ler mais »

  • 18 de Julho, 2019

    A dvida de Akw

    O dia 8 de Outubro de 2005, ficará para sempre gravado na história do desporto angolano e do futebol em particular.

    Ler mais »

Ver todas »