Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

O exemplo do Bi

01 de Fevereiro, 2015
O centro, que pode albergar entre 250 e 300 crianças, é uma iniciativa que prova que o Governo Provincial do Bié não está à margem do desenvolvimento do desporto na província, e quer, de facto, garantir um crescimento salutar das nossas crianças.

O relançamento do desporto escolar em todo o país está em voga, pois há a necessidade da prática desportiva e da educação física ser feita a partir dos primeiros anos de escolaridade das crianças.

Habituar os jovens estudantes ao desporto e aos benefícios que advêm da sua prática regular é um princípio universal, e os grandes atletas mundiais passam por essa fase, até chegarem ao estrelato.

No país, o desporto escolar dá passos seguros para a sua revitalização, e já se assiste à realização periódica de campeonatos nacionais, marcados por uma grande movimentação de alunos em várias disciplinas desportivas e em representação quase sempre de todas as províncias do país.

A infra-estrutura a erguer na província mais ao centro do país vai beneficiar não somente os estudantes locais como todo o país, dado que com a sua conclusão e na altura das competições e não só, serão poupadas verbas de alojamento e alimentação porque os jovens competidores estarão concentrados num só local, com condições a altura.

O Executivo não tem poupado esforços na construção de infra-estruturas desportivas, tanto para a alta competição, como os estádios construídos para o CAN como os pavilhões multiusos que têm servido as modalidades de salão, casos do basquetebol, andebol e mesmo até o hóquei em patins, como para a massificação desportiva, tais como os recintos comunitários que surgem em alguns pontos do país, pois o desporto só se faz com boas infra-estruturas de apoio.

O exemplo que vem do Bié é um modelo que, no futuro, poderá ser seguido. O papel do governo não é dar dinheiro aos clubes para estes disputarem, por exemplo, o Girabola, mas sim criar condições para que mais crianças e jovem possam cada vez praticar o desporto, tanto na escola como nas comunidades.

Mesmo em tempo de contenção financeira, também no desporto, o anuncio do mais alto governante do Bié é uma luz que se acende para o desporto local, cujos frutos se vão consubstanciar, no aumento , também, da prática do desporto e da educação física das crianças e jovens da província.

Últimas Opinies

  • 24 de Agosto, 2019

    O amiguismo na resciso

    O assunto de momento no nosso futebol, convenhamos, é sem dúvidas o desenlace entre a Federação Angolana de Futebol (FAF) e o técnico Srdjan Vasiljevic, em face de algumas situações que vinham acontecendo e que originou que se estalasse o verniz.

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Os jogadores aguardaram isso dos dirigentes, para que a motivação crescesse

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    O sonho dos grupos

    Após as vitórias extramuros nas deslocações à Tanzânia e ao Lesotho, o 1º de Agosto e Petro têm, neste fim-de-semana, a oportunidade soberana de confirmarem a qualificação para última eliminatória de acesso a fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Viemos a público para responder ou esclarecer o que aconteceu.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

Ver todas »