Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Prolas na Srvia

07 de Janeiro, 2014
A selecção feminina de andebol começou domingo, na Sérvia, o estágio pré-competitivo para preparar a participação de Angola, ainda este mês, no Campeonato Africano das Nações na Argélia, competição para a qual as angolanas vão com o objectivo único de revalidarem o título.

As comandadas de Vivaldo Eduardo começaram a preparação logo após o seu regresso do Campeonato do mundo com sessões bidiárias no campo de jogos do Catetão, com indicadores bastante positivos. Durante este período, o seleccionador nacional privilegiou a condição física, alternando a preparação com trabalho específico na vertente técnico-táctica.

Concluído este ciclo, eis chegado o momento de avaliar o comportamento do combinado nacional em campo. Para o efeito, a selecção iniciou a fase pré-competitiva, que prevê a realização de várias partidas amistosas até à véspera da deslocação a Argel, palco da competição, que decorre de 15 a 27 do presente mês.

No estágio Angola vai defrontar a selecção da Argélia, terceira classificada da última edição e o Hypo No da Áustria, exercícios que de alguma forma podem ajudar a equipa técnica a afinar a “máquina” para as obrigações do campeonato. Qualquer uma destas equipas, embora tratando-se de jogos de carácter particular, vai pretender fazer com que depois do jogo a balança penda para o seu lado e para tal só a vitória dá essa garantia.

Mas, quanto à turma angolana, infunde alguma confiança o facto de regressar recentemente do Campeonato do mundo, o que à partida pressupõe a existência de algum entrosamento no grupo. Na verdade, uma vitória é sempre um resultado satisfatório e galvaniza a equipa para outros desafios. Mesmo que o resultado final não esteja em causa, é sempre um critério para se aferir como anda a equipa. Portanto, os testes são apenas um balão de ensaio para verificar a prontidão da equipa, mas também atestar a sua capacidade competitiva.

Lembramos que no Campeonato africano as campeãs vão jogar a fase inicial ao lado das congéneres da Tunísia, República do Congo e Guiné Conakri, adversárias que vão implicar, certamente, a conjugação de alguns esforços com particular atenção ao Congo que se tem destacado bastante nos campeonatos africanos.

Estamos certos de que a despeito daquilo que foi a sua prestação no Campeonato do mundo, em que conseguiu resultados estrondosos diante das mais cotadas selecções do mundo, que selecção é capaz de, com mais ou menos dificuldades, lograr o objectivo traçado, para mais uma vez fazer o país sorrir.

Últimas Opinies

  • 23 de Março, 2019

    Agora que venha o CAN do Egipto!

    Que venha agora o CAN do Egipto! Sim, que  venha o Campeonato Africano das Nações porque a fase de qualificação ficou já para atrás. 

    Ler mais »

  • 23 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Estou aqui para trabalhar. É uma realidade nova para mim. Nunca estive em África.

    Ler mais »

  • 23 de Março, 2019

    Angola est no Egipto

    O país acordou, hoje, na ressaca da explosão festiva resultante da qualificação da selecção nacional de futebol, ao Campeonato Africano das Nações, a disputar-se em Junho e Julho, no Egipto.

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Amanh um "tudo ou nada

    Amanhã é uma espécie de Dia D, para nós, e tal fica a dever-se aos ‘’Palancas Negras’’

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Um regresso depois de quase dez anos

    Volvidos quase dez anos, volto a assumir uma missão como enviado especial do Jornal dos Desportos, título para o qual escrevo desde o ano de 1997, e que nesse momento assumo o cargo de editor, depois de já ter sido sub-editor e correspondente provincial.

    Ler mais »

Ver todas »