Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Sorteio favorece Angola

06 de Abril, 2015
A selecção nacional de basquetebol, masculino, já conhece os adversários com quem cruzar na primeira fase da 28ª edição do Campeonato Africano das Nações, a decorrer de 19 a 30 de Agosto nas cidades tunisinas de Tunis e Nabeul, conforme sorteio realizado na noite de sábado.Um sorteio, à primeira vista favorável ao “Cinco” nacional, colocada no Grupo B, vai defrontar na fase preliminar as selecções de Moçambique, Marrocos e a segunda selecção a sair dos três Will Card (convites) que a Fiba-Afrique vai atribuir aos países que não lograram o passaporte para a fase final da competição. Senegal, RCA e RDC são as três selecções que vão beneficiar do convite.

Se tivermos como base o Grupo A, que integra as selecções da Tunísia, Uganda, Nigéria e o primeiro do Will Card, o Grupo C que é composto pelo Egipto, Gabão, Mali e Camarões, ou ainda o Grupo D, composto pela Costa do Marfim, Cabo Verde, terceiro Will Card e o Zimbabwe, podemos dizer que Angola tem a vida facilitada. Ter no caminho Marrocos e Moçambique não é o mesmo que defrontar, ainda que na primeira fase, Tunísia e Nigéria, Egipto e Camarões ou mesmo Costa do Marfim e Cabo Verde. Entre o Senegal, RCA e RDC, selecções que vão ser convidadas pela Fiba-Afrique, não há muito por onde escolher. Todas elas são adversários a ter em conta por qualquer um dos candidatos ao título africano.

Angola, na qualidade de campeã continental em título, é o alvo a abater. Quer queiram quer não, todas as atenções vão estar focalizadas no combinado nacional, que vai ter de se empregar a fundo para preservar o título conquistado em 2013, naquele que foi o seu 12º anel continental.O facto desta 28ª edição do Africano das Nações, ser selectiva aos Jogos Olímpicos de 2016, a serem realizados na cidade brasileira do Rio de Janeiro, concorre para uma disputa acérrima. As 16 selecções presentes estão imbuídas desse propósito, pelo que vamos ter um campeonato disputado do principio ao fim.

A Tunísia, na qualidade de país anfitrião, Angola, campeão africano em título, Egipto, finalista vencido em 2013, são os principais candidatos ao título, sem desprimor para a Costa do Marfim. Aliás, o facto de serem os cabeças de série dos seus grupos servem para interiorizarmos essa realidade.A alteração feita no comando técnico do “Cinco” nacional (saída de Paulo Macedo e entrada do espanhol Moncho López) pode ser um empecilho para os objectivos traçados pela direcção da FAB, encabeçada por Paulo Madeira.

Os objectivos passam pela conquista do 13º título continental e o consequente apuramento para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.Que seria a sétima presença no maior evento desportivo mundial, depois de 1992 (Barcelona), 1996 (Atlanta), 2000 (Sidney), 2004 (Atenas), 2008 (Pequim) e 2012 (Londres).Para ultrapassar-se esse empecilho e porque a prova inicia apenas a 19 de Agosto, os trabalhos devem iniciar com antecedência. Estamos convictos que a FAB e o novo técnico têm noção dessa realidade.

Últimas Opinies

  • 18 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Temos de nos preparar bem para o jogo que será decisivo e estou convicto que iremos fazer este trabalho em conjunto, não temos muito tempo, agurada-nos um trabalho sério contra uma selecção que perdeu todas as partidas.

    Ler mais »

  • 18 de Março, 2019

    L se foi o sonho...

    O Petro de Luanda, até ontem o único sobrevivente angolano nas Afrotaças, não conseguiu evitar a derrota frente ao Gor Mahia FC do Quénia, em Nairobi, num jogo em que estava “condenado” a não desperdiçar, na totalidade, os pontos em discussão.

    Ler mais »

  • 18 de Março, 2019

    Os estreantes e o ritual de integrao

    Igor Vetokele regressa aos Palancas Negras, depois de muito tempo.

    Ler mais »

  • 16 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Eu já vi três vezes o jogo, muito sinceramente deu para ver alguma coisa na atitude e reacção de certos jogadores.

    Ler mais »

  • 16 de Março, 2019

    Operao Botswana

    A Selecção Nacional de futebol em honras concentra-se amanhã, a noite, tendo em vista a derradeira jornada do Grupo I da campanha para o Campeonato Africanos das Nações deste ano, a decorrer entre 21 de Junho e 19 de Julho no Egipto.

    Ler mais »

Ver todas »