Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Tempos de importar a pacincia

28 de Março, 2017
Um dos grandes valores da China ou dos chineses é a paciência. Nós temos importado vários bens da China, e de lá podíamos também importar a paciência, pelo menos, para o futebol. Pois, dela vão precisa muito os adeptos. Não faz sentido no arranque de um projecto deitarmos já abaixo as expectativas e sobretudo a confiança dos jogadores, e da própria equipa técnica.

Tudo exige tempo, na vida como no futebol. Todo o projecto tem as suas etapas. Este, o da selecção nacional, exige ainda mais tempo, e deve em princípio contar com a nossa colaboração.

Em três dias de trabalho, nenhum treinador do mundo é capaz de construir uma equipa. E Bianchi ainda mais, pois ao contrário do que faz com o seu Petro, trabalha diariamente, na Selecção, ele só pode trabalhar quando esta estiver reunida para eliminatórias ou competições.

Portanto, é sensato dar ao seu senhor tempo suficiente para explicar aos jogadores as suas ideias, e esses assimilarem o que o treinador quer. Infelizmente, tudo isso vai acontecer com a selecção jogando.

Dos jogos, poderão existir derrotas, como houve com Moçambique. E pode haver também hoje com a África do Sul ou existir uma vitória. Seja qualquer for o resultado, ninguém de sã consciência poderá fazer conclusões definitivas sobre o trabalho do treinador.

Seguramente no decurso dessa caminhada, os Palancas Negras vão perder jogos, o que não significa necessariamente estar comprometido o projecto.Dizem os mais velhos, que a criança na sua etapa de crescimento terá de cair, levantar e se por de pé.

O mesmo acontece com os Palancas Negras. Perderam, podem voltar a acontecer também com a África do Sul, mais temos de acreditar que o futuro pode ser diferente. Ou não. Não sendo, e tendo sido dado o tempo razoável, é sensato que a Federação Angolana de Futebol procure outro treinador, mais s[o depois de se conceder a esse tempo o quanto baste para ele exprimir e implementar as suas ideias.

Dizia um empresário brasileiro que só no dicionário é que o Trabalho vem antes do Sucesso. Na vida prática o S vem antes do T. É essa lição que nós adeptos do futebol e especialistas tempo de interiorizar. Não há magia no futebol.

E quando o há é sol de pouca dura. Os melhores exemplos no mundo do futebol dizem que por detrás do sucesso do Brasil, Alemanha, Espanha, Itália, França, Ghana, Camarões , Egipto e outro resulta sempre de um trabalho aturado.

Últimas Opinies

  • 19 de Março, 2020

    Escaldante Girabola

    O campeonato nacional de futebol da primeira divisão vai dobrando os últimos contornos. A presente edição, amputada face a desqualificação do 1º de Maio de Benguela, abeira-se do seu fim . Entretanto, do ponto de vista classificativo as coisas estão longe de se definirem. No topo, o 1º de Agosto e o Petro travam uma luta sem quartel pelo título.

    Ler mais »

  • 17 de Março, 2020

    Cartas dos leitores

    Estamos melhor do que nunca. A pressão é para as pessoas que não têm arroz e feijão para comer. Estamos sem pressão, temos todos bons salários e boas condições de trabalho. Estamos numa situação de privilégio e até ao último jogo tivemos apenas duas derrotas.

    Ler mais »

  • 17 de Março, 2020

    Jogos Olmpicos2020

    A suspensão de diferentes competições desportivas a nível mundial em função do coronavírus, já declarada pela OMS-Organização Mundial da Saúde como Pandemia, remete-nos, mais uma vez, a reflectir sobre a realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Pelo menos até aqui, o COI-Comité Olímpico Internacional mantém de pé a ideia de realizar o evento nos prazos previstos.

    Ler mais »

  • 14 de Março, 2020

    FAF aquece com eleies

    Cá entre nós, o fim do ciclo olímpico, tal com é consabido, obriga, por imperativos legais, por parte das Associações Desportivas, de um modo geral e global, a realização de pleitos eleitorais para a renovação de mandatos.

    Ler mais »

  • 14 de Março, 2020

    Cartas dos Leitores

    Acho que o Estado deve velar por essas infra-estruturas.

    Ler mais »

Ver todas »