Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

27 de Setembro, 2013
Marcos António - Luanda
O nosso clássico
= Escrevo pela primeira vez neste espaço para abordar o jogo grande da 25.ª jornada e que vai opor as duas grandes equipas do nosso campeonato. O clássico e ao mesmo tempo dérbi, volta a ser disputado numa altura em que os dois colossos estão praticamente arredados da possibilidade de lutarem para o título, que está mais inclinado para o Kabuscorp do Palanca. O jogo de domingo prende as atenções por haver uma rivalidade de muitos anos entre as duas equipas, o que torna os jogos entre si mais emotivos, mais disputados e com uma das maiores enchentes. Na primeira volta, o 1.º de Agosto venceu merecidamente por 1-0 e neste jogo de resposta o Petro de Luanda vai certamente tudo fazer para a desforra. Há ainda a questão de o 1.º de Agosto estar a tentar diminuir a desvantagem que tem sobre o arqui-rival quanto ao número de vitórias, estando a equipa do Catetão em vantagem. As claques também entram nessa disputa, pois verifica-se sempre um despique para saber quem leva mais adeptos ao estádio.

Cristina Branca – Luanda
Crise no AS
A= Na sequência da crise directiva que afecta o ASA, creio que a equipa de futebol tem sido a mais afectada. Nesta época o desempenho do grupo fala por si. Apesar de os últimos resultados darem alguma esperança, há ainda assim o perigo de vermos a equipa baixar de divisão, o que a acontecer seria uma grande tristeza. No ano passado vários jogadores abandonaram o clube em virtude dos problemas que já se arrastam há algum tempo. Penso que novos jogadores podem abandonar a equipa se a situação persistir. Até agora o consenso é um bico d’obra e parece-me que os dirigentes e os sócios do clube não estão preocupados com este facto, pois só assim se explica que diante de tantos problemas não se consegue encontrar uma saída airosa. Como adepta do futebol sinto imenso a situação que se está a passar no ASA, pois são os atletas que mais sofrem.


Guilherme Pinto - Huambo
Caála em queda=
Como adepto do Clube Recreativo da Caála, tenho a dizer que definitivamente este não foi o nosso ano, pois tínhamos a intenção de fazer um campeonato mais regular. No Girabola temos poucas hipóteses de discutir o quinto lugar, pois o Petro de Luanda, o Inter, o Desportivo e o Libolo têm muito mais hipóteses e também vão cobiçar o lugar pois já não conseguem chegar ao pódio, ou seja, ao terceiro. Sendo assim, penso que a direcção deve começar já a trabalhar para a próxima época, a fim de potenciar a equipa para um novo rumo. Penso que 2013 foi um ano mau, com as mudanças de treinadores operadas e mesmo assim sem os resultados esperados.

Últimas Opinies

  • 17 de Agosto, 2019

    Girabola Zap periclitante

    A festa do futebol está de regresso. Com o retorno do Campeonato Nacional da I Divisão, vulgo Girabola Zap 2019/2020, a alegria do povo volta à ribalta e com ela a euforia, a competitividade.

    Ler mais »

  • 17 de Agosto, 2019

    De volta a febre pelo futebol!...

    Para a alegria dos seus aficionados, está de regresso a maior festa futebol nacional, o Girabola Zap. Uma prova que inflama paixões e leva alegria para os vários estádios espalhados pelo país.

    Ler mais »

  • 17 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Estamos mais preocupados com a integração dos novos atletas  e perceber qual o momento desportivo e a partir daqui,  entrar numa outra fase de desenvolvimento e novamente.

    Ler mais »

  • 17 de Agosto, 2019

    Baptismo do Wiliete

    Depois da abertura ontem da 42ª edição do Campeonato Nacional de Futebol da I Divisão, vulgo Girabola Zap, com o jogo Clube Desportivo da Huíla (CDH) - FC Bravos do Maquis.

    Ler mais »

  • 15 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Se até agora estivéssemos com as estratégias todas consolidadas, com os atletas em boa forma física e excelente dinâmica, podia também nalguns casos.

    Ler mais »

Ver todas »