Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

29 de Setembro, 2013
RAFAEL ZEFERINO - Namibe
Vitórias do Mundial de hóquei=
O Campeonato Mundial de Hóquei em Patins terminou ontem, depois de concentrar todas as atenções desportivas do país. Foi bom o nosso país ter conseguido assumir o papel do primeiro a trazer a maior prova mundial da modalidade a África. Por aquilo que pudemos constatar, a prova teve uma organização de bom nível. Angola, mais uma vez, voltou a dar prova de um país em condições de honrar os compromissos que assume. Depois dos pavilhões construídos em 2007 aquando do Afrobasket, mais os de agora em Malange, Namibe e Luanda, eu atrevo-me mesmo a dizer que o país está em condições de receber um Campeonato do Mundo de basquetebol ou andebol. Acho que as nossas ambições agora têm de ser mais altas, desde que a realização destes eventos desenvolvam outras áreas das nossas cidades.

JÚLIO FRANCISCO– Luanda
Kangamba assume optimismo
= Desejo em primeiro lugar votos de bom trabalho a todos os quadros do Jornal dos Desportos. Sou adepto do Kabuscorp do Palanca e fiquei muito satisfeito com as últimas declarações do presidente Bento Kangamba. O presidente do clube, depois do empate de Calulo com o Libolo, veio a público e disse aquilo que antes estava a ser gerido com alguma prudência. Bento Kangamba disse publicamente que a nossa equipa já é campeã. Na verdade, a olhar para o actual quadro classificativo e pelo número de jornadas que faltam, não tenho a menor dúvida, que o título da presente edição vai para o clube do Palanca e vem premiar todo um esforço que tem sido conjugado pelo seu presidente, que nunca olhou a meios quando a questão tem a ver com investimento neste ou naquele sector da equipa.

ROSÁRIO VIEIRA- Luanda
Onde “pastam” os Palancas
= Depois da borrada nas qualificativas ao Mundial e ao Chan, não se voltou a falar dos Palancas Negras. Não se sabe o que está a ser desenvolvido tendo em vista os próximos conhecimentos. Sei que há tempo João Lusevikueno e Chipenda andou por alguns países da Europa num trabalho de pesquisa de valores angolanos a evoluir nesses países. Que resultados obtiveram? Voltaremos a apresentar a mesma selecção? Ou a FAF nos vai surpreender positivamente, isto é, com uma selecção renascida e mais ousada? A verdade, é que eu entendo que alguma coisa tem de mudar na selecção antes de “atacar” o apuramento ao CAN de Marrocos 2015.

Últimas Opinies

  • 18 de Julho, 2019

    Final interessante

    Um mês depois de fortes emoções vividas nos estádios e em outros espaços fora e longe dos centros de disputa,  vamos ter,  finalmente,  amanhã dia 19, o cair do pano da XXXII edição do Campeonato Africano das Nações de futebol, organizado pelo Egipto.

    Ler mais »

  • 18 de Julho, 2019

    A dvida de Akw

    O dia 8 de Outubro de 2005, ficará para sempre gravado na história do desporto angolano e do futebol em particular.

    Ler mais »

  • 18 de Julho, 2019

    Assim no est nada bom

    Depois da decepção que foi a participação dos Palancas Negras no Campeonato Africano das Nações, que ainda decorre no Egipto, com encerramento previsto para amanhã, 19 de Julho, pensei que a paz voltaria, quanto antes, a reinar no “quintal” do futebol doméstico, de si já prenhe de problemas.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Uma seleco coxa sem craques de elite

    A qualidade  dos jogos dados a ver pelos Palancas Negras no CAN do Egipto, mostrou, mais uma vez, que não temos um estilo que nos identifica em termos de estilo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

Ver todas »