Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

12 de Fevereiro, 2016
Não ficamos com os cofres cheios, mas os benefícios do acordo que assinamos não vai ser apenas direccionado para o futebol, os benefícios vão ser mais alargados e vai abranger outras modalidades desportivas do clube.
Fernando Barbosa, director geral do 1º de Agosto

Os nossos tenistas deixaram boas impressões durante o estágio que realizaram na Academia da Universidade de Pretória. Aliás, o facto de mostrarem interesse em três tenistas nossos, significa que eles têm qualidades e podem tornar-se grandes tenistas no futuro.
João Almeida, coordenador técnico da Escola Kikuxi Villas Club

O clube encontra-se numa fase de revitalização como sabe, a equipa vive problemas financeiros e perdeu uma parte dos jogadores principais devido à descida de Divisão. Ainda assim, o Maquis não está morto porque tudo vai ser feito para o regresso ao Girabola Zap em 2017.
Manuel Docas, presidente do FC Bravos do Maquis

Poderia ir às corridas e ter mais contacto com os meus amigos. Mas decidi evitar. Não porque não seja amigável, mas por causa do que isso me lembra. Sou honesto, Ver uma corrida de F-1 não é fácil.
Robert Kubica, ex-piloto de Fórmula 1

A PERGUNTA DO DIA
Qual deve ser a reacção da FAF quanto à queixa da equipa do Ajax Cape Town, adversário do Sagrada Esperança, que acusa a federação de falta de comunicação?

A Federação Angolana de Futebol tem pela frente o desafio de melhorar a modalidade no nosso país e além fronteiras, portanto, precisa melhorar os seus mecanismos de comunicação, porque é grave que em plena era da globalização não se consiga estabelecer comunicação com órgão tão importante como a FAF. Benjamin calombe, estudante

A maior instituição de futebol nacional creio que deve estar a estudar nesta altura os mecanismos de esclarecimentos à equipa da África do Sul, de modo a evitar qualquer problema de relacionamento Associação de Futebol da África do Sul, cujo filiado manifestou descontentamento com a FAF. José Dombaxe, estudante

O órgão máximo do desporto rei no país necessita reconhecer que atravessa um momento difícil, mas precisa encontrar forma de ultrapassar estas dificuldades para não beliscar ainda mais a sua imagem que já não é muito boa, sobretudo depois da pobre prestação dos Palancas no CHAN. Atanásio Honde, estudante

Últimas Opinies

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Quem explica o desporto angolano?

    O nosso desporto merece um estudo profundo, para se encontrar explicações que justifiquem os resultados que vai tendo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    No nosso grupo (A),  somos a única selecção (Angola) que tem a sua primeira participação  a este nível. Canadá vai para a sua sétima, Nova Zelândia.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Objectivo falhado

    Angola não conseguiu alcançar o objectivo preconizado no Mundial de Hóquei em Patins, que se disputou em Barcelona, Espanha, acabando por se quedar na sexta posição.

    Ler mais »

  • 13 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    Vamos entrar para o campeonato em cada jogo para ganhar, nós queremos começar bem, com o pé direito. Como sabem, já temos o calendário.

    Ler mais »

Ver todas »