Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

18 de Julho, 2015
Nós, enquanto governo, transmitimos que estamos disponíveis aos projectos da FIFA e queremos apoiar as melhores maneiras de criar estruturas organizativas. O nosso engajamento continua a ser no sentido de haver uma maior prática do desporto no país”.
Albino da Conceição , Secretário de Estado dos Desportos

O Yanick Moreira está a ser orientado pelo seu empresário para não se incorporar ainda aos trabalhos da selecção nacional. Fico muito desiludido com a falta de respeito que algumas pessoas americanas têm pelo trabalho desenvolvido nos outros países”.
Moncho López , técnico do “Cinco” Nacional

O empate para a nossa equipa, que luta pela sobrevivência no Girabola, é positivo, se levarmos em conta que o adversário vem de um resultado negativo de 2-3 diante do Recreativo do Libolo, e que vai tudo fazer para redimir-se desse mesmo resultado”.
Ekrem Asma , técnico da Académica do Lobito

A disposição da nossa equipa é boa, viemos de uma vitória e isso levantou a moral do plantel que só pensa nos três pontos, sabendo que vai ser um jogo muito difícil. A nossa equipa está moralizada para fazer um bom jogo em Cabinda”.
Moco, atacante do Interclube


A PERGUNTA DO DIA
A inserção do extremo base Cissé Malick, na Selecção Nacional, é mais valia para a conquista de mais um título continental?


O desempenho do basquetebolista durante os treinos, tem sido a nota de destaque por parte da equipa técnica comandada pelo seleccionador Moncho Lopez, motivo pelo qual nos orgulhamos com o seu rendimento. Façamos votos que tenha sucesso, André Samuenho, estudante universitário

Cissé Malick, enquanto atleta angolano, acreditamos estar deslumbrado com a convocação, motivo por que durante o estágio, tem procurado honrar as cores da nossa bandeira rumo à conquista da 28ª edição do “Africano” das Nações da Tunísia. Hélio Cuandeca , professor

A equipa técnica, da Selecção Nacional de Basquetebol, está munida de bons profissionais e estes, por sua vez, têm procurado manter o ritmo para representarem condignamente o país. Falo, concretamente, do Cissé Malick, também do Yannick Moreira.. Agelize Mat , músico

AVALIAÇÂO JD

HÉLDER TEIXEIRA
Técnico do R. da Caála=Positivo

Nos dois jogos realizados, depois da tempestade, o Recreativo da Caála empatou com o Kabuscorp para o Girabola e afastou o Progresso da Lunda Sul da Taça de Angola. Sinais evidentes de que a equipa está apostada em virar a página negra, que viveu no final da primeira volta.

GUILHERME AFONSO
Avançado do Kabuscorp=Negativo

Desilusão. É assim, que podemos classificar a estreia do ex -internacional angolano, com as cores do Kabuscorp. No seu primeiro jogo com a camisola do conjunto palanquino, o jogador viu a cartolina vermelha e foi tomar banho mais cedo. Um erro, que vai prejudicar a equipa do Palanca.

Últimas Opinies

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Petro escorregou Vasiljevic j era

    O grande Petro já  atemoriza os seus adeptos em poder continuar a fazer travessia no deserto neste seu “hibernar” sem título desde 2009: empatou mesmo depois de o presidente.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Penso, que não há  muitas alterações  em relação aos candidatos, o 1º de Agosto procura o Penta e o Petro luta para quebrar o jejum de 10 anos, sem conquistar o campeonato.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Girabola de todos

    Soltaram-se assobios, no último fim-de-semana. Voltou aos palcos nacionais, o futebol de primeira grandeza. Ou seja, o campeonato nacional da primeira divisão, o nosso Girabola.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O segundo pecado da FAF

    A direcção de Artur Almeida e Silva acaba de cometer o segundo pecado, na gestão dos destinos da Federação Angolana de Futebol(FAF). O primeiro, assenta na desorganização que já a caracteriza.

    Ler mais »

Ver todas »