Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas de Leitores

26 de Maio, 2016
As duas equipas proporcionaram um bom espectáculo de basquetebol, mas, infelizmente, não conseguimos alcançar o nosso objectivo que passava pelo apuramento à final do Campeonato Nacional e primeiro lugar e depois, lutar para a revalidação do título.
Benjamim Avô, treinador-adjunto do Petro de Luanda.

Penso que no cômputo geral a minha equipa acabou por vencer de forma meritória. Foi uma partida discutida do primeiro ao último minuto, porque o nosso adversário nos criou muitas dificuldades, mas felizmente conseguimos manter a calma no final e vencemos com todo mérito.
Ricard Casas, treinador do 1º de Agosto.

Ouvi dizer que existem pessoas que pretendem candidatar-se. É um sinal que não somos os únicos interessados em tirar o ténis desta triste situação. Espero que, caso exista a lista, seja forma formada por pessoas do ténis.
Eliseu Maria, candidato à presidência da Federação Angolana de Ténis


Todas as equipas são válidas para mim, mas se tivesse de escolher um clube para representar, naturalmente que optava por uma equipa que tenha o título entre os objectivos. Mas adorava estar num clube ambicioso e com objectivos bem definidos.
Baptiste Faye, antigo jogador do Interclube.


A PERGUNTA DO DIA
A selecção Sub-20 de futebol pode comemorar a passagem para a última eliminatória da fase de apuramento ao CAN, da categoria, depois de vencer a similar do Gabão por 3-0?


Penso que sim, porque vem de uma vitória. A equipa está motivada e pronta para traçar estratégias para vencer o adversário no segundo jogo, embora seja uma partida decisiva para os palanquinhas. Euclides de Jesus, motorista.

"Acho que é difícil responder a essa pergunta, porque para mim cada jogo é um jogo, e tudo pode acontecer. Basta recuar no tempo, e lembrar o que aconteceu ao 1º de Agosto diante do Interclube. Hélder Manuel, agente de relações públicas.

"No desporto dois jogos são diferentes, não existem jogos iguais. Mas a vantagem que Angola tem apresenta-se confortável, basta que faça bem o trabalho de casa para que mesmo no reduto dos zambianos, possamos garantir o apuramento. João Manuel, estudante.

Últimas Opinies

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Petro escorregou Vasiljevic j era

    O grande Petro já  atemoriza os seus adeptos em poder continuar a fazer travessia no deserto neste seu “hibernar” sem título desde 2009: empatou mesmo depois de o presidente.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Penso, que não há  muitas alterações  em relação aos candidatos, o 1º de Agosto procura o Penta e o Petro luta para quebrar o jejum de 10 anos, sem conquistar o campeonato.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Girabola de todos

    Soltaram-se assobios, no último fim-de-semana. Voltou aos palcos nacionais, o futebol de primeira grandeza. Ou seja, o campeonato nacional da primeira divisão, o nosso Girabola.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O segundo pecado da FAF

    A direcção de Artur Almeida e Silva acaba de cometer o segundo pecado, na gestão dos destinos da Federação Angolana de Futebol(FAF). O primeiro, assenta na desorganização que já a caracteriza.

    Ler mais »

Ver todas »