Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

26 de Abril, 2014
Estou a trabalhar de forma afincada para merecer a confiança do mister Samy, para essa partida diante do Kabuscorp. Estamos no terceiro dia de trabalho e tudo está a correr bem. Espero que terminemos da mesma forma, como iniciamos a semana de trabalho.
Dany, médio do ASA

Temos de melhorar na defesa, no meio campo, no ataque, nas funções de jogo, nas transições e combinações e nos vários processos, fundamentalmente na finalização. Só desta forma podemos sacudir a crise que nos assola.
Mário Soares, técnico do Desportivo

Nós pensamos que agimos no tempo certo, mas também este tipo de questões nem sempre devem ser analisadas desta maneira, o tempo para nós foi o mais oportuno, depois todos vamos ficar a saber se foi certa ou não.
Carlos Alves, voz do 1º de Agosto

Estava com medo, foi o meu primeiro jogo ao fim de três semanas. Tinha confiança, mas algumas pessoas não queriam que eu jogasse. Outras que sim. Senti-me bem, perfeito. Quem não queria que eu jogasse? Isso não é importante.
Cristiano Ronaldo, avançado do Real Madrid


A PERGUNTA DO DIA
O Petro de Luanda está preparado para atingir amanhã a fase de grupos da Taça da Confederação?


Há realmente indicadores que nos levam a acreditar na vitória da nossa equipa sobre o Coton Sport, no desafio da segunda mão da última eliminatória de acesso à fase de grupos da Taça da Confederação. O 1-2 da primeira mão pode perfeitamente ser ultrapassado. Ilda Cardoso, adepta petrolífera

O Petro deve aproveitar o golo marcado nos Camarões. O 1-2 pode ser ultrapassado, basta vencer pelo menos por uma bola a zero a formação adversária. Os tricolores foram mais ousados em Garoua, por isso esperemos que façam uma partida empolgante. António Manuel, estudante

“A equipa técnica do Petro, às ordens de Alexandre Grasseli, tem a obrigação de apostar nos homens golo. Para isso, é prioritário ter no “onze” inicial jogadores como Abdul, Job, Flávio e Gilberto. Assim, as oportunidades de vitórias podem ser maiores”. Pedro Tchivandja, relações públicas

AVALIAÇÃO

RUI FALCÃO
Governador do Namibe=Positivo

A actual situação do desporto no Nambe, agudizada com a desistência do Atlético da prova de apuramento ao Girabola/2015, está a preocupar o responsável máximo da província. Para se encontrar uma solução, Rui Falcão agendou para a próxima semana uma reunião alargada. Uma atitude de louvar, diga-se de passagem.
CARLOS LUÍS
Presidente da FABOXE= Negativo

A Selecção Nacional voltou a competir numa prova internacional sem as cores da Nação. Aconteceu no torneio Zonal disputado na África do Sul. Os pugilistas angolanos utilizaram o equipamento do Interclube. Carlos Luís tinha garantido que o equipamento estava assegurado. Afinal era tudo mentira.

Últimas Opinies

  • 24 de Agosto, 2019

    O amiguismo na resciso

    O assunto de momento no nosso futebol, convenhamos, é sem dúvidas o desenlace entre a Federação Angolana de Futebol (FAF) e o técnico Srdjan Vasiljevic, em face de algumas situações que vinham acontecendo e que originou que se estalasse o verniz.

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Os jogadores aguardaram isso dos dirigentes, para que a motivação crescesse

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    O sonho dos grupos

    Após as vitórias extramuros nas deslocações à Tanzânia e ao Lesotho, o 1º de Agosto e Petro têm, neste fim-de-semana, a oportunidade soberana de confirmarem a qualificação para última eliminatória de acesso a fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Viemos a público para responder ou esclarecer o que aconteceu.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

Ver todas »