Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do Leitor

05 de Agosto, 2014
Continuamos a procurar o melhor para nós. E o melhor para nós é ter uma equipa muito bem estruturada e sincronizada. Continuo a dizer que com trabalho e dedicação vamos chegar lá. Também valeu a vitória porque é importante a motivação.
Romeu Filemon, dos Palancas Negras

Nunca posso gostar do resultado quando perco, mas olhando para o contexto, acho que foi um bom jogo e Angola é um justo vencedor, porque marcou um golo. Tem jogadores mais experientes e os meus jovens mostraram que podem jogar muito mais.
Mariano Barreto, técnico da Etiópia

Apesar de virmos de 11 jornadas com resultados menos satisfatórios, somos obrigados a vencer os próximos jogos para continuarmos a sonhar com os objectivos propostos pela direcção do clube: estarmos entres os primeiros cinco melhores do Girabola.
Lúcio Antunes, técnico do Progresso

A partir de quarta-feira (Frank Lampard) começa a trabalhar com a nossa equipa e vai jogar no clube até Janeiro. É mais um jogador. Temos muitos encontros, particularmente com a Liga dos Campeões, e ele é muito importante para a equipa.
Pellegrini, técnico do Manchester City

A PERGUNTA DO DIA
A vitória do União do Uíge diante do Petro pode ser considerada uma surpresa ou é mérito da equipa?


Após um longo período de derrotas e empates, dentro e fora de casa, desta vez, o União Sport Clube do Uíge conseguiu mudar o curso da caminhada ao vencer a formação com mais títulos no país, o Petro de Luanda. Foi mais mérito da equipa do Uíge.
Alcides Vieira, adepto petrolífero

Para o único representante da província do Uíge no Girabola, a vitória vai ficar sempre na história do clube, porque não é todos os dias que se vence uma equipa do gabarito do Petro. Não foi nenhuma surpresa. O União venceu porque marcou e o Petro não. Apenas isso.
Severino Sabalo, adepto petrolífero

A turma orientada por Mbiavanga Kapela conseguiu, primeiro, vencer o Benfica, no Lubango. Estava com o moral elevado. Por isso, não foi surpreendente a vitória diante do Petro no seu reduto. A equipa do Eixo Viário não foi capaz e a derrota foi merecida.
Rodrigues Mateus, adepto petrolífero

Avaliação JD
ANTÓNIA DE FÁTIMA Judoca angolana- Negativo=A judoca Faia continua na sua senda vitoriosa. Depois do título africano, conquistou a medalha de prata no Open América, disputado em Miami. Terceira no ranking africano e 25ª mundial, Faia trabalha afincadamente para estar presente no JO de 2006, no Brasil. Vai chegar lá.

ERNESTO CASTANHEIRA Técnico do Recreativo do Seles-Negativo=O objectivo traçado pelo técnico, na sua apresentação oficial, é levar a equipa do Seles para o Girabola de 2015. Contudo, esse objectivo dificilmente vai ser concretizado, depois da derrota caseira no fim-de-semana. Em dois jogos, a equipa soma outras tantas derrotas. Promessas, apenas promessas.

Últimas Opinies

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Quem explica o desporto angolano?

    O nosso desporto merece um estudo profundo, para se encontrar explicações que justifiquem os resultados que vai tendo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    No nosso grupo (A),  somos a única selecção (Angola) que tem a sua primeira participação  a este nível. Canadá vai para a sua sétima, Nova Zelândia.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Objectivo falhado

    Angola não conseguiu alcançar o objectivo preconizado no Mundial de Hóquei em Patins, que se disputou em Barcelona, Espanha, acabando por se quedar na sexta posição.

    Ler mais »

  • 13 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    Vamos entrar para o campeonato em cada jogo para ganhar, nós queremos começar bem, com o pé direito. Como sabem, já temos o calendário.

    Ler mais »

Ver todas »