Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do leitor

29 de Novembro, 2014
“O Kaly merece uma despedida mais digna. Sou à favor de que se faça algum tipo de homenagem para este grande profissional que deu tanto de si em prol do futebol angolano. Eu penso que no próximo ano, podemos organizar uma despedida condigna para ele, talvez possamos num jogo amistoso com um adversário a designar”
DRAGAN JOVIC, treinador do 1º de Agosto

Não conseguimos renovar o título e tivemos uma campanha nas eliminatórias das competições africanas em que fomos afastados, logo na segunda preliminar. Ficou patente que faltou experiência à equipa e o nosso programa, em 2015, é entrarmos para a fase de grupos das competições africanas”
BENTO KANGAMBA, presidente do Kabuscorp do Palanca

E“Na Swazilândia (2010) ficámos em quarto; levamos o ouro no desporto rei; na Zâmbia, regredimos. Agora, queremos voltar a subir e as quatro primeiras posições é a meta. Não vamos abrir mão do basquetebol, por aquilo que é a nossa potência em África”.
ANTÓNIO DA LUZ“ chefe da missão angolana aos Jogos da SADC

F“Não foi fácil estar de volta ao carro depois de domingo, mas após cerca de 20 voltas, encontrei o meu ritmo novamente e foi divertido. Temos tão poucos testes na F1 actualmente e cada dia conta. Por isso, não havia nenhum motivo para não testar, mesmo após a decepção de domingo”
NICO ROSBERG, piloto da Mercedes

PERGUNTA DO DIA
Que erros terá cometido o Petro na final da Taça de Angola, jogo que perdeu com o Benfica de Luanda?

São vários os erros cometidos pelos petrolíferos durante os 90 minutos da partida, em que o Benfica de Luanda saiu a vencer. Lembro-me, que à formação com mais títulos conquistados, o Petro, faltou-lhe ambição de golos, pois oportunidades não faltaram. Pai Traking, kudurista

A falta de finalização no sistema de ataque comprometeu a formação orientada pelo treinador Alexandre Grasseli, que deixou por isso perder a oportunidade de somar o terceiro título consecutivo. Sou ainda a lembrar, que o experiente avançado Flávio Amado teve pouco ritmo competitivo, apesar de apoiar o artilheiro Ben Traoré. Maurício Dala, promotor de vendas

A falta de finalização no sistema de ataque comprometeu a formação orientada pelo treinador Alexandre Grasseli, que deixou por isso perder a oportunidade de somar o terceiro título consecutivo. Sou ainda a lembrar, que o experiente avançado Flávio Amado teve pouco ritmo competitivo, apesar de apoiar o artilheiro Ben Traoré. Mc King, kudurista


AVALIAÇÃO JD
ANTÓNIO DA LUZ
Chefe da missão angolana=Positivo

É falta de ambição partir para uma competição sem metas definidas. António da Luz, o homem que chefia a missão angolana aos Jogos da SADC, prometeu o pódio para o nosso país. Alguns cépticos torceram o nariz, mas devia o homem dizer que vamos à competição passear? Tem ele toda razão, e vamos fazer corrente de força para que as medalhas venham.

FERNANDO BARBOSA
Director do 1º de Agosto=Negativo

A iniciativa de homenagear o recém-retirado central Kaly não devia ter vindo do treinador Dragan Jovic, mas da própria direcção do clube porque foi esta, que contratou o atleta e está em condições de ajuizar aquilo que ele representou. Mas de balde. Até nisso, temos de ser despertados por outras pessoas? O técnico bósnio já tem um voto, e a direcção?

Últimas Opinies

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Corrigir o mal no futebol (I)

    A semana passada terminei o artigo com a seguinte sentença: “(…) é importante mudar de estratégia

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Mais um falso arranque do Interclube

    Para o desalento dos prosélitos do futebol sénior masculino, as cortinas do Girabola Zap, versão 2019/20, foram descerradas com máculas na jornada inaugural que, mais uma vez, põem em causa a capacidade organizativa da Federação Angolana de Futebol (FAF), que parece apostada numa competição em que é premiada a instituição que mais erros comete ao longo do “consulado”.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O pas dos amigalhaos

    Foi recentemente anunciada a rescisão contratual do treinador Srdjan Vasilevic com a Federação Angolana de Futebol.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

Ver todas »