Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do Leitor

06 de Março, 2015
A Polícia sofreu na pele porque as pessoas queriam “comer” o árbitro, que teve de sair no carro dos anti-motins”.
Carlos Alves, 1º de Agosto

O resultado que alcançamos no jogo com o Petro também queríamos com o ASA, mas não foi possível. A equipa técnica do Sporting de Cabinda tem a missão de preparar uma equipa coesa para o Girabola. Os jogadores estiveram bem em todos os sectores”.
Albano César, Sporting de Cabinda

“ O Petro de Luanda é uma equipa com muito talento. Tem muita juventude e acredito que vamos longe, que é o nosso objectivo. Mostramos neste jogo esse talento, o Girabola é uma competição longa, perdemos com o Sporting, mas temos muito para demonstrar nesta prova”
Alexandre Grasseli, - Petro de Luanda

“O nosso principal objectivo é a personalidade da equipa. Estamos a trabalhar esse aspecto e temos ainda muita coisa a fazer e melhorar. Estou a tentar dar uma identidade a esses miúdos ao longo do Girabola e formar um novo ASA”
Roberto do Carmo, ASA


PERGUNTA DO DIA

Qual deve ser a intervenção do Conselho Central de Árbitros, quanto à queixa apresentada pelo 1º de Agosto, sobre indícios de corrupção na arbitragem?


Esse é um assunto que merece ser debatido com grande relevância, a partir da Federação Angolana de Futebol, órgão superior da modalidade de que o Conselho Central de Árbitro faz parte. Portanto, esperemos que quem de direito faça fazer valer a lei.
Paixão Lemba, fotógrafo e músico

Caso o Conselho Central de Árbitros não tome medidas urgentes, para mudar a triste situação, corremos o risco de voltarmos a assistir a episódios tristes nos campos, tal como foi o ano passado, em que um adepto petrolífero perdeu a vida, devido a confrontos entre adeptos.
Tony Smell, produtor musical

Muluta Prata, enquanto responsável máximo da arbitragem no país, precisa de antemão de rever a prestação de serviços dos “juízes de jogos” na presente época desportiva, já que segundo o porta-voz da direcção do clube militar, Carlos Alves, “não é preciso morrer ninguém para se acabar com o que se passa nos estádios”.
Agelizeu Kizadiambu , músico


AVALIAÇÃO JD

ALBANO CÉSAR
Sporting de Cabinda - Positivo -
Os “Leões” de Cabinda conseguiram um resultado, inesperado, no jogo com o Petro de Luanda, em agenda de jogos em atraso do Girabola. A primeira vitória da equipa no campeonato aconteceu diante de um adversário, que está moralizado na competição africana e os números não deixam dúvidas da sua justeza.

MÁRIO CALADO
Progresso do Sambizanga - Negativo -
A formação do “sambila” tarda em encontrar-se, no presente Girabola, quarta-feira consentiu um resultado com um número elevado no jogo com o ASA. Mário Calado promete outra atitude nos próximos jogos, mas enquanto isso não chega, vai ter de ouvir os protestos dos adeptos do clube.

Últimas Opinies

  • 15 de Julho, 2019

    O real papel do gestor desportivo

    As funções de um gestor desportivo não são mais do que as funções de um gestor de empresas, adaptadas e ajustadas às particularidades de um clube ou federação desportiva.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Quem explica o desporto angolano?

    O nosso desporto merece um estudo profundo, para se encontrar explicações que justifiquem os resultados que vai tendo.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    No nosso grupo (A),  somos a única selecção (Angola) que tem a sua primeira participação  a este nível. Canadá vai para a sua sétima, Nova Zelândia.

    Ler mais »

  • 15 de Julho, 2019

    Objectivo falhado

    Angola não conseguiu alcançar o objectivo preconizado no Mundial de Hóquei em Patins, que se disputou em Barcelona, Espanha, acabando por se quedar na sexta posição.

    Ler mais »

  • 13 de Julho, 2019

    Cartas dos Leitores

    Vamos entrar para o campeonato em cada jogo para ganhar, nós queremos começar bem, com o pé direito. Como sabem, já temos o calendário.

    Ler mais »

Ver todas »