Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas do Leitor

18 de Maio, 2015
No que toca ao orçamento, há uma diferença grande e sentimo-nos inferiores, mas além disso, há a visão, planificação, capacidade técnica e abnegação e não nos sentimos inferiores a ninguém. Nesse campo, somos superiores a nós próprio e a partir daí, conseguimos equilibrar e em todas as épocas.” Carlos Dinis , técnico de basquetebol do ASA

É uma preocupação permanente da FAB, participar nos esforços que as Associações e clubes estão a fazer ao longo das épocas, no sentido de aumentar o seu trabalho na formação de novos atletas para o país.”
Paulo Madeira , presidente da FAB

A vitória coroou o empenho do grupo, frente a um adversário que esteve muito bem e criou-nos imensas dificuldades. Fizemos algumas alterações e como disse, poderíamos criar mais golos na segunda etapa, mas não conseguimos.”
Alexandre Grasseli , treinador do Petro de Luanda

Em Janeiro, combinámos que falaríamos sobre o seu futuro na segunda metade de 2015. Ele [Guardiola] cumpre todos os requisitos, que nós considerámos necessários para um bom treinador.”
Karl -Heinz Rummenigge , director executivo do Bayern de Munique


A PERGUNTA DO DIA
O trabalho que o técnico do Kabuscorp do Palanca, Miller Gomes, está a desenvolver, assegura a manutenção de bons resultados no campeonato?


A metodologia que o novo timoneiro da agremiação do bairro do Palanca está a incutir na equipa, tem vindo a surtir bons efeitos, mas ainda assim, cada jogo é um jogo e no futebol surpresa é o que não falta, durante os 90 minutos. Mas a equipa está no bom caminho.Constantino Alberto, gestor de negócios

Acho que sim, Miller Gomes está a ficar mais familiarizado com a equipa e esta começa a reagir à sua filosofia. Isso, tem estado a garantir as vitórias que nas últimas jornadas o Kabuscorp está a somar no campeonato. Os resultados têm deixado satisfeitos todos os palanquinos, aos quais desejo boa sorte. Jorge Henriques , músico

O futebol é uma modalidade em constante movimento, curiosamente, proporciona satisfação às pessoas quando há espectáculo e bons resultados. Penso que Miller Gomes está a conseguir aos poucos chegar aos objectivos e a equipa está . Agostinho Piranha , artista plástico


AVALIAÇÃO JD

KITO RIBEIRO
Treinador do PLS=Positivo

Depois da goleada imposta ao ASA na jornada passada e face ao momento competitivo que vive, esperava-se que o 1º de Agosto fosse à Lunda Sul confirmar mais três pontos. Mas o Progresso não quis render-se em casa e abrandou a marcha dos militares, que estavam embalados rumo à liderança. Kito Ribeiro foi mais estratega que Dragan Jovic.



ILIAN ILIEV
Técnico do Interclube= Negativo

Parece que os polícias continuam com dificuldades em digerir a perda da liderança do campeonato. É que depois de terem sido desalojados, os pupilos de Ilian Iliev não conseguem ser aquela equipa competitiva e aguerrida, desperdiçam pontos atrás de pontos mesmo a jogar no seu reduto. Alguma coisa precisa de ser feita para inverter o quadro

Últimas Opinies

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Petro escorregou Vasiljevic j era

    O grande Petro já  atemoriza os seus adeptos em poder continuar a fazer travessia no deserto neste seu “hibernar” sem título desde 2009: empatou mesmo depois de o presidente.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Penso, que não há  muitas alterações  em relação aos candidatos, o 1º de Agosto procura o Penta e o Petro luta para quebrar o jejum de 10 anos, sem conquistar o campeonato.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Girabola de todos

    Soltaram-se assobios, no último fim-de-semana. Voltou aos palcos nacionais, o futebol de primeira grandeza. Ou seja, o campeonato nacional da primeira divisão, o nosso Girabola.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O segundo pecado da FAF

    A direcção de Artur Almeida e Silva acaba de cometer o segundo pecado, na gestão dos destinos da Federação Angolana de Futebol(FAF). O primeiro, assenta na desorganização que já a caracteriza.

    Ler mais »

Ver todas »