Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

22 de Novembro, 2015
Essa conquista mostra bem o que temos de potencial. Acredito que Angola tem potencial para repetir o segundo lugar conquistado em 2011, no Sudão. Temos hipótese, mas para tal, é preciso trabalharmos bem.
João Gonçalves, presidente da APF da Huíla

Senti que o MAS (do Marrocos) era uma equipa que estava perfeitamente ao nosso alcance. Pude sentir que tínhamos futebol para alcançar a final e vencer a competição. A nossa principal ambição era conquistar a taça, mas infelizmente sofremos um golo nos minutos finais.
Fabrício, central do Interclube

A hotelaria em Angola é extremamente cara e com os dinheiros que os clubes pagam, não dá para pagar as despesas de alojamento. Mas as negociações com os hotéis estão concluídas (...).
Tony Sofrimento, director executivo da Taça dos Clubes Campeões

Estamos a treinar e a trabalhar duro. Estamos a fazer o melhor para sair desta situação em que nos colocámos. Acho que a equipa tem uma boa mentalidade, mas quando não se tem vitórias, perde-se alguma confiança e precisamos de voltar a ganhar jogos.
Ramires, jogador do Chelsea


A PERGUNTA DO DIA
A nova geração deve orgulhar-se dos ganhos do desporto nacional ao longo dos 40 anos da Independência?


Os exemplos positivos devem ser sempre lembrados e, acima de tudo, muito bem seguidos. O país detém muitos troféus desportivos, conquistas alcançadas ao longo dos 40 anos de Independência Nacional e nós, na qualidade de jovens, temos de nos sentir orgulhos por isso.
João Miguel, estudante

A implementação de programas desportivos nas escolas, igrejas, nas ruas, bairros, comunas e povoações devem continuamente fazer parte do programa do Ministério da Juventude e Desporto e do Executivo em geral. Devemos manter os programas de massificação das modalidades, pois só desta forma, poderemos continuar a honrar a nossa bandeira com novas conquistas..
Marcos Chagas, funcionário público

A crise financeira mundial que infelizmente afecta também o nosso país não deve interferir de alguma forma nos projectos ligados ao desporto. O apoio ao desporto é fundamental, pois é uma actividade que ajuda para o bem-estar da vida humana. E nós temos muitos exemplos de como o desporto fez bem aos angolanos nestes 40 anos.
Júnior de Assis, estudante

Últimas Opinies

  • 18 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Temos de nos preparar bem para o jogo que será decisivo e estou convicto que iremos fazer este trabalho em conjunto, não temos muito tempo, agurada-nos um trabalho sério contra uma selecção que perdeu todas as partidas.

    Ler mais »

  • 18 de Março, 2019

    L se foi o sonho...

    O Petro de Luanda, até ontem o único sobrevivente angolano nas Afrotaças, não conseguiu evitar a derrota frente ao Gor Mahia FC do Quénia, em Nairobi, num jogo em que estava “condenado” a não desperdiçar, na totalidade, os pontos em discussão.

    Ler mais »

  • 18 de Março, 2019

    Os estreantes e o ritual de integrao

    Igor Vetokele regressa aos Palancas Negras, depois de muito tempo.

    Ler mais »

  • 16 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Eu já vi três vezes o jogo, muito sinceramente deu para ver alguma coisa na atitude e reacção de certos jogadores.

    Ler mais »

  • 16 de Março, 2019

    Operao Botswana

    A Selecção Nacional de futebol em honras concentra-se amanhã, a noite, tendo em vista a derradeira jornada do Grupo I da campanha para o Campeonato Africanos das Nações deste ano, a decorrer entre 21 de Junho e 19 de Julho no Egipto.

    Ler mais »

Ver todas »