Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

10 de Abril, 2016
Vamos continuar a trabalhar arduamente para que possamos manter ou melhorar ainda mais as nossas exibições.
Ricard Casas , técnico de basquetebol do 1º de Agosto

As atletas não vêm do zero, estão a trabalhar. O importante será manter a condição física, porque técnica e tacticamente já estamos a trabalhar. Elas conhecem-se, já trabalham juntas há muito tempo, o que nos irá preocupar será mesmo a condição física.
Filipe Cruz , novo seleccionador nacional feminino de andebol

Sendo um projecto novo, não seria oportuno lançar datas do nosso regresso à alta competição. Queremos consolidar antes as bases estruturantes tanto a nível da direcção como dos amigos do clube, que são uns dos principais patrocinadores das nossas iniciativas."
Bráulio de Brito , presidente do Clube Ferroviário de Angola

Não tenho dúvidas. Quero ficar no futebol, próximo do campo. Odiaria ficar preso num escritório. Quero fazer algo bem, ou então não fazer. O meu maior objectivo é treinar o Barcelona. Não escondo isso. Quero trabalhar para aquela casa que considero um lar."
Xavi , ex- jogador do Barcelona


A PERGUNTA DO DIA
As medidas de segurança aplicadas pela Polícia Nacional no Angola - RDC corresponderam à grandeza do jogo?


As medidas aplicadas pelos efectivos da ordem e segurança afectos ao Ministério do Interior, num total acima de 1000 (mil), naquele jogo para as qualificativas da maior festa do futebol continental chama atenção aos demais países a seguirem o excelente modelo.
Maurício Alfredo , estudante

O serviço prestado pela Polícia Nacional durante o jogo Angola - RDC até ao fim do mesmo, proporcionou a todos os presentes no local, uma convivência positiva dentro dos padrões exigidos do fair play.
Fabrice Maqueno , comerciante

Angola mais uma vez mostrou à África e ao mundo o seu bom nome em matéria de segurança interna, justificando também o bom convívio do futebol internacional. Uma nota que merece destaque ao Ministério do Interior e a Federação Angola de Futebol (FAF).
Paty Nkundenga, comerciante

Últimas Opinies

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Corrigir o mal no futebol (I)

    A semana passada terminei o artigo com a seguinte sentença: “(…) é importante mudar de estratégia

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Mais um falso arranque do Interclube

    Para o desalento dos prosélitos do futebol sénior masculino, as cortinas do Girabola Zap, versão 2019/20, foram descerradas com máculas na jornada inaugural que, mais uma vez, põem em causa a capacidade organizativa da Federação Angolana de Futebol (FAF), que parece apostada numa competição em que é premiada a instituição que mais erros comete ao longo do “consulado”.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O pas dos amigalhaos

    Foi recentemente anunciada a rescisão contratual do treinador Srdjan Vasilevic com a Federação Angolana de Futebol.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

Ver todas »