Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

17 de Julho, 2016
Quando a natação estiver a competir, as representantes das outras modalidades devem apoiar e quando for ao contrário a mesma coisa, para podermos sair de lá com uma boa participação, dignificando o nome do país.
GONÇALVES MUANDUMBA , ministro da Juventude e Desportos

Ainda não estava nada definido, a convocatória não tinha saído, estava a fazer o meu trabalho com esperança que fosse convocado. Nos particulares, fui criticado, mas acho que dei o meu melhor. Estava confiante. Acho, que o importante é desfrutar do momento que estamos a viver, e depois definir metas.
ÉDER , jogador da selecção portuguesa de futebol

Del Bosque é de um inestimável valor para a RFEF desde que chegou no verão de 2008. Não só por seu triunfo desportivo, mas também como ser humano. Pedi horas depois da eliminação da equipa na França que continuasse connosco. Ele já tinha decidido não continuar.
ÁNGEL MARIA VILLAR, presidente da Real Federação Espanhola de Futebol

Eu ouvi sobre o interesse do Real madrid e estou lisonjeado. Mas eu amo o West Ham. Tivemos uma temporada fantástica e mal posso esperar para jogar no Olympic Stadium (nova casa dos Hammers). Vou ficar 100% no West Ham, eu amo o clube. Posso dizer isso aos adeptos".
DIMITRI PAYET, jogador da selecção francesa de futebol


A PERGUNTA DO DIA
O derby entre o Progresso Associação do Sambizanga e o 1º de Agosto pode ser considerado de alto risco?


Estarão em campo duas equipas com muita tradição no historial do nosso futebol, uma partida que já não é disputada com a mesma intensidade de outrora, mas trará, de certeza, a habitual adrenalina para ambas as claques. Quando assim acontece, estaremos sempre diante de um grande espectáculo de futebol, no qual vencerá aquela estiver melhor.
Júlio Kipeca, funcionário público

Sabemos que o 1º de Agosto é das equipas com maior probabilidade de vencer a partida, em função do que vem demonstrado ao longo da época, mas o Progresso tem argumentos para contrariar o favoritismo da formação militar. Por este facto, podemos, sim considerar uma partida de alto risco, na qual ambas vão dar o melhor de si para não desfraldar os adeptos.
Celma Matrango, assessora de imprensa

Apesar do favoritismo do 1º de Agosto será, de certeza, uma partida de alto risco, na qual o Progresso está determinado em superar o adversário para dar maior alento aos seus adeptos. Ambas equipas contam com uma claque muito poderosa que vai ao estádio emprestar o seu calor em busca da vitória. Eu estarei lá para ver esse jogo e ajudar a minha equipa.
Joel Pedro, Estudante

Últimas Opinies

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Corrigir o mal no futebol (I)

    A semana passada terminei o artigo com a seguinte sentença: “(…) é importante mudar de estratégia

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Mais um falso arranque do Interclube

    Para o desalento dos prosélitos do futebol sénior masculino, as cortinas do Girabola Zap, versão 2019/20, foram descerradas com máculas na jornada inaugural que, mais uma vez, põem em causa a capacidade organizativa da Federação Angolana de Futebol (FAF), que parece apostada numa competição em que é premiada a instituição que mais erros comete ao longo do “consulado”.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    O pas dos amigalhaos

    Foi recentemente anunciada a rescisão contratual do treinador Srdjan Vasilevic com a Federação Angolana de Futebol.

    Ler mais »

  • 19 de Agosto, 2019

    Como causar impacto atravs do marketing?

    De facto, para que se crie um impacto forte e eficaz através do marketing desportivo, é indispensável que os clubes e federações deem atenção ao formato comunicativo a ser utilizado.

    Ler mais »

Ver todas »