Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

01 de Setembro, 2016
Foi uma responsabilidade grande, estou grata, por isso. Porque, isso é uma festa, não são todos os anos, que se é eleita porta-bandeira. Estou feliz, muito grata, por isso. Foi bom levar o país todo, e as colegas todas comigo. E, dizer também, que são os meus últimos jogos olímpicos, para mim foi maravilhoso.
LUÍSA KIALA , andebolista da Selecção Nacional

Espero, que possa terminar a carreira, com a Inglaterra em alta. Disse antes da Euro-2016, que adoro jogar nesta equipa", disse. Fizeram-me perguntas sobre se devia parar de jogar pela selecção, mas estou ansioso de voltar ao campo. Tomei a decisão antes da Euro, quer nós estivéssemos bem ou não, que ia continuar.
WAYNE ROONEY, jogador do Manchester United

Sempre é bom começar um torneio tão difícil, com o mínimo de desgaste físico possível e boas sensações, e isso, foi o que ocorreu esta noite na minha estreia. Cheguei em grande forma para o torneio, mas a primeira semana é muito difícil, e você precisa de reservar forças.
ANDY MURRAY , tenista britânico

A Champions é uma competição incrível, atractiva. Mas não é o campeonato que marca o que uma equipa fez, a época toda durante um ano. Isso, é o Campeonato Espanhol. A Champions é maravilhosa e gostaríamos de ganhar todos os anos, claro. Mas há outros valores, que afectam. Já sabemos que a Champions significa exigência.
LUIS ENRIQUE , técnico do Barcelona
A PERGUNTA DO DIA
O ATLETA PARALÍMPICO JOSÉ CHAMOLEIA PODE REPETIR OS FEITOS DE JOSÉ SAYOVO, NOS JOGOS PARALÍMPICOS?


Acho que devemos dar crédito a este atleta, porque mostra bom desempenho. Todos sabemos, que ele esteve nos Jogos da CPLP, e que conseguiu arrecadar muitas medalhas. Não podemos exigir, que ele consiga as medalhas na sua primeira participação nos jogos olímpicos, mas sim uma boa prova.
Mário Vicente, estudante


O atleta ainda é muito novo, tem 18 anos de idade, e não podemos exigir muito dele. Contudo, está capacitado para fazer igual ou mais, do que aquilo que o Sayovo já fez por Angola. Basta ter tempo, e mais experiência em competições internacionais.
António Tomé, estudante

O José Chamoleia é um atleta jovem e tem grande futuro. Penso, que deve realizar-se um trabalho de preparação de longo prazo, para que ele atinja os feitos de Sayovo. Mas nestes Jogos Paralímpicos, do Rio de Janeiro, não acredito que consiga alguma medalha.
Miguel Cristóvão, funcionário público

Últimas Opinies

  • 24 de Agosto, 2019

    O amiguismo na resciso

    O assunto de momento no nosso futebol, convenhamos, é sem dúvidas o desenlace entre a Federação Angolana de Futebol (FAF) e o técnico Srdjan Vasiljevic, em face de algumas situações que vinham acontecendo e que originou que se estalasse o verniz.

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Os jogadores aguardaram isso dos dirigentes, para que a motivação crescesse

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    O sonho dos grupos

    Após as vitórias extramuros nas deslocações à Tanzânia e ao Lesotho, o 1º de Agosto e Petro têm, neste fim-de-semana, a oportunidade soberana de confirmarem a qualificação para última eliminatória de acesso a fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Viemos a público para responder ou esclarecer o que aconteceu.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

Ver todas »