Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

16 de Agosto, 2017
A partir do momento em que cada um dos atletas acredita nas suas capacidades, o trabalho do treinador acaba por ser mais fácil. E, é isso que noto, uma equipa com bastante confiança e concentração. À medida que a equipa cresce, crescem também as capacidades de ultrapassar as divergências ou os tropeços que aparecem jogo após jogo.
MÁRIO SOARES , treinador do Desportivo da Huila

Vamos precisar de apoio, e tudo depende do trabalho de mobilização da imprensa, porque eu já tenho muita pressão como treinador no relvado. A pressão exterior deve ser da imprensa, seria muito bom que durante a semana os jornalistas apelassem aos adeptos a encherem o Estádio.
BETO BIANCHI , seleccionador nacional de futebol

A minha Angola tem uma grande responsabilidade no continente africano, e no mundo. Somos onze vezes campeão continental. Por isso, em todas as provas, Angola participa sempre como uma das candidatas. E, é com este espírito que vamos partir ao Senegal, palco de disputa da fase preliminar do Afrobasket 2017.
MANUEL SILVA , “Gi”, seleccionador sénior de basquetebol

A primeira coisa que vou fazer é divertir-me, ir às festas. Preciso de beber, foi um campeonato duro. Depois vou ficar um tempo com a minha família. São as duas coisas que estão na minha lista. Faço isso, desde que tinha 10 anos. Tudo o que conheço são pistas. Estou feliz em estar livre, para fazer outras coisas.
USAIN BOLT , ex-campeão mundial de atletismo

Últimas Opinies

  • 07 de Abril, 2021

    Ida ao Mundial marcou o futebol

    Em 2018, a nossa selecção de futebol adaptado trouxe-nos o primeiro troféu de cariz Mundial, ao vencer o campeonato do Mundo.

    Ler mais »

  • 07 de Abril, 2021

    Ganhos que podem ir ao ralo

    A circulação de pessoas e bens, apesar das dificuldades das estradas, faz-se com segurança.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um toque ao desenvolvimento

    O país comemorou ontem mais um ano de paz. Foi a 4 de Abril de 2002 que a Nação angolana presenciou a cerimónia que marcou o fim de um período de guerra que deixou inúmeras cicatrizes.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Os ganhos da nossa vaidade

    Ao assinalarmos 19 anos, desde que o país começou a desfrutar do alívio que só a paz proporciona, não há como não reconhecer os ganhos havidos no sector desportivo neste lapso de tempo.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um retrocesso em alguns casos

    O desporto foi o grande embaixador do país, algumas modalidades assumiram-se como verdadeiros porta-estandartes, dado os feitos protagonizados por algumas selecções nacionais.

    Ler mais »

Ver todas »