Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

16 de Agosto, 2017
A partir do momento em que cada um dos atletas acredita nas suas capacidades, o trabalho do treinador acaba por ser mais fácil. E, é isso que noto, uma equipa com bastante confiança e concentração. À medida que a equipa cresce, crescem também as capacidades de ultrapassar as divergências ou os tropeços que aparecem jogo após jogo.
MÁRIO SOARES , treinador do Desportivo da Huila

Vamos precisar de apoio, e tudo depende do trabalho de mobilização da imprensa, porque eu já tenho muita pressão como treinador no relvado. A pressão exterior deve ser da imprensa, seria muito bom que durante a semana os jornalistas apelassem aos adeptos a encherem o Estádio.
BETO BIANCHI , seleccionador nacional de futebol

A minha Angola tem uma grande responsabilidade no continente africano, e no mundo. Somos onze vezes campeão continental. Por isso, em todas as provas, Angola participa sempre como uma das candidatas. E, é com este espírito que vamos partir ao Senegal, palco de disputa da fase preliminar do Afrobasket 2017.
MANUEL SILVA , “Gi”, seleccionador sénior de basquetebol

A primeira coisa que vou fazer é divertir-me, ir às festas. Preciso de beber, foi um campeonato duro. Depois vou ficar um tempo com a minha família. São as duas coisas que estão na minha lista. Faço isso, desde que tinha 10 anos. Tudo o que conheço são pistas. Estou feliz em estar livre, para fazer outras coisas.
USAIN BOLT , ex-campeão mundial de atletismo

Últimas Opinies

  • Hoje

    Principal objectivo est a ser cumprido

    Apesar da derrota diante da Mauritânia, na passada terça feira, em minha modesta opinião, a Seleção Nacional de Honras, Palancas Negras, está no bom  caminho, em função do nosso histórico nos últimos oito anos.

    Ler mais »

  • Hoje

    Citaes

    Agradeço a Angola Telecom a oferta de 650 mil UTT de saldo, que me permite comunicar.

    Ler mais »

  • Hoje

    Tudo complicado

    A derrota averbada pela Selecção Nacional de futebol, na terça-feira, em Nouakchott, convida-nos a um exercício matemático sobre as possibilidades que restam para a qualificação ao Campeonato Africano das Nações de 2019, nos Camarões. Dizer que a qualificação passa, por ora, a ser uma miragem, pode infundir algum pessimismo exacerbado. Mas, aferir que ela ficou um pouco comprometida, não seria nenhuma mentira.

    Ler mais »

  • 15 de Outubro, 2018

    Pelo desporto adaptado!

    Nda kukuete cimue ñe watungila ondjo? As manhãs de 1 de Janeiro foram as mais divertidas de sempre e de rica memória para mim. Cançonetes bem harmoniosas, executadas por gentes que não fazíamos ideias de onde vinham, acordavam-nos e davam-nos a boa disposição para começar o ano. 

    Ler mais »

  • 15 de Outubro, 2018

    Herv Renard basta!

    O País nunca engoliu a saída abrupta do treinador francês Hervê Renard, por falta de pagamento dos seus salários. Para os dirigentes do futebol nacional, deixar um treinador ou jogador com dois ou três meses de salário é normal.

    Ler mais »

Ver todas »