Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

23 de Julho, 2018
Como pode um árbitro saber quantos cartões tem um jogador e ainda alerta este jogador, antes de mostrar o quarto cartão amarelo. Se a gente olhar para o vídeo do cartão amarelo, qualquer pessoa pode analisar e tirar a sua conclusão. Antes já tinha ameaçado que o Herenilson não faria o próximo jogo. Isso não é função do árbitro.
BETO BIANCHI, treinador do Petro de Luanda

É preciso que o futebol se preocupe com a qualidade da competição interna, com os resultados das selecções nacionais, todas, Olímpica, Sub-20, Sub-17 e outras, fazendo bem o trabalho de casa. Se a FAF está neste caminho ou não, não sei, pode ser que está. De alguma forma sou amante do futebol e estou expectante.
GUSTAVO DA CONCEIÇÃO, presidente do COA


O Brasil já não é o país do futebol alegre e do samba, isso terminou. Tivemos boas selecções, com grandes jogadores como Neymar, mas nenhuma foi grande favorita. O mesmo acontece com a Argentina e Messi, que foi para este Mundial com muitos jogadores de nível mediano. O Uruguai competiu, mas também é uma selecção de um nível intermediário.
TOSTÃO, campeão do mundo de 1970 com o Brasil

Escrevo estas linhas por causa da difícil situação da Croácia. A Croácia é o país mais pobre da União Europeia, governado por pessoas más, por membros de uma organização que já foi declarada criminosa. O povo foi conduzido ao abismo, à miséria, milhões de pessoas abandonaram a sua pátria nos últimos 20 anos.
ZLATKO DALIC, seleccionador da Croácia

Últimas Opinies

  • 07 de Abril, 2021

    Ida ao Mundial marcou o futebol

    Em 2018, a nossa selecção de futebol adaptado trouxe-nos o primeiro troféu de cariz Mundial, ao vencer o campeonato do Mundo.

    Ler mais »

  • 07 de Abril, 2021

    Ganhos que podem ir ao ralo

    A circulação de pessoas e bens, apesar das dificuldades das estradas, faz-se com segurança.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um toque ao desenvolvimento

    O país comemorou ontem mais um ano de paz. Foi a 4 de Abril de 2002 que a Nação angolana presenciou a cerimónia que marcou o fim de um período de guerra que deixou inúmeras cicatrizes.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Os ganhos da nossa vaidade

    Ao assinalarmos 19 anos, desde que o país começou a desfrutar do alívio que só a paz proporciona, não há como não reconhecer os ganhos havidos no sector desportivo neste lapso de tempo.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um retrocesso em alguns casos

    O desporto foi o grande embaixador do país, algumas modalidades assumiram-se como verdadeiros porta-estandartes, dado os feitos protagonizados por algumas selecções nacionais.

    Ler mais »

Ver todas »