Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

26 de Julho, 2015
Pois, como se sabe, um dos problemas que o clube atravessa é a questão do transporte, para além de outras preocupações”.
Elias José, presidente do ASA

O espírito de conquista da equipa é dos melhores. Estamos preparados para esse desafio, aliás, a Taça de Angola não é prioridade do Sporting de Cabinda, apesar da derrota diante do Interclube, embora quiséssemos vencer o desafio”.
Jorge Costa, vice-presidente do Sporting de Cabinda

Noto que a equipa está a melhorar, jogo após jogo, precisamos de mais jogos com esse grau de dificuldade para melhorar o nosso nível; não temos oportunidades constantes de fazer jogos assim. Hoje, só perdemos porque não acreditámos que era possível ganhar”,
Filipe Cruz , seleccionador nacional de andebol

Sou o Mestre Internacional angolano mais referenciado, para além das nossas barreiras geográficas. Exijo mais respeito e dignidade. Devo ser convidado com honradez e não me coloquem em plano subalterno”.
Adérito Pedro, xadrezista do 1º de Agosto


A PERGUNTA DO DIA
Qual deve ser a reacção da FAF, quanto à penalização aplicada pela CAF às equipas angolanas?


A Federação Angolana de Futebol, na qualidade de órgão máximo da modalidade no país, deve enviar os seus emissários para juntos, discutirem e resolverem este assunto delicado. O povo angolano sente-se indignado por ter apenas duas equipas nas Afrotaças.
André Sameunho, estudante universitário

O general Pedro Neto tem de se impor, enquanto titular do órgão máximo do futebol angolano. Deve procurar, urgentemente, voltar a colocar Angola no leque dos 12 países com direito a duas equipas, nas competições africanas.
Agelize Mat, músico

A Confederação Africana de Futebol, devia, em primeiro lugar, chamar a atenção à FAF, no caso, às equipas que representam o país nestas competições, que tivessem um desempenho pouco produtivo, iam correr o risco de serem punidas, e não apanharem-nos de surpresa.
Gerson Correia, estudante

AVALIAÇÃO JD
YANNICK MOREIRA
Poste angolano - Positivo -
A ausência do poste angolano no “Africano” das Nações, a decorrer na Tunísia, não foi bem vista por grande parte da sociedade. Uma atitude compreensível, diga-se. Contudo, devemos ter em conta o seu desejo: ser o primeiro angolano a jogar na NBA. A acontecer é uma mais valia para o nosso desporto.

VITOR MANUEL
Técnico do Maquis - Negativo -
Compreendemos o ambiente que vive o Bravos do Maquis. Contudo, para quem procura por todos os meios a permanência na fina flor do futebol nacional, desperdiçar pontos em casa, pode complicar esse desejo. A derrota caseira diante do Petro, vai pesar nas contas! O técnico tem noção dessa realidade.

Últimas Opinies

  • 24 de Agosto, 2019

    O amiguismo na resciso

    O assunto de momento no nosso futebol, convenhamos, é sem dúvidas o desenlace entre a Federação Angolana de Futebol (FAF) e o técnico Srdjan Vasiljevic, em face de algumas situações que vinham acontecendo e que originou que se estalasse o verniz.

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Os jogadores aguardaram isso dos dirigentes, para que a motivação crescesse

    Ler mais »

  • 24 de Agosto, 2019

    O sonho dos grupos

    Após as vitórias extramuros nas deslocações à Tanzânia e ao Lesotho, o 1º de Agosto e Petro têm, neste fim-de-semana, a oportunidade soberana de confirmarem a qualificação para última eliminatória de acesso a fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    Cartas dos Leitores

    Viemos a público para responder ou esclarecer o que aconteceu.

    Ler mais »

  • 22 de Agosto, 2019

    O divrcio anunciado

    Não faz ainda muito tempo do anúncio do divórcio, entre o órgão reitor do futebol nacional e o então seleccionador nacional de honras, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que ontem deixou o país.

    Ler mais »

Ver todas »