Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

01 de Junho, 2019
O Jérémie está nesse momento concentrado em Espanha, para ajudar o seu clube a subir de divisão, sem possibilidade de ir ao nosso consulado em Paris, onde tem de recolher as impressões por ter nascido em França. O Jonás, apesar de estar em Espanha, também enfrenta dificuldades por não conseguir chegar até Madrid, afim de concluir o processo de emissão do passaporte.
ADÃO COSTA, vice-presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF)


Não pretendo recandidar-me, porque vou fazer seis anos em Abril de 2020 e têm sido muito difíceis, porque a Sonangol tem muita instabilidade. Neste tempo que estou na presidência do clube, já passaram quatro conselhos de administração e isto é extretamente difícil de suportar.
TOMÁS FARIA, presidente de direcção do Petro de Luanda


Acabamos de testemunhar mais uma evidência de que o motocross é um desporto que arrasta multidões. Por isso não podemos permitir que este público fique privado de espectáculos que muito adoram. Não é uma tarefa fácil, na medida que a crise económica ainda se refecte no êxodo de equipas e pilotos individuais (…)
CARLOS MOREIRA, membro da Comissão de Gestão de Motocross



Fiquei um ano sem trabalhar, mas estou muito feliz pelo meu percurso no futebol. Provavelmente se o Marselha não me apresentasse uma proposta, ficaria no Porto a aguradar pelo clube ideal e pelas condições ideais para prosseguir a minha carreira.
ANDRÉ VILLAS-BOAS , actual treinador do Marselha de França

Últimas Opinies

  • 07 de Abril, 2021

    Ida ao Mundial marcou o futebol

    Em 2018, a nossa selecção de futebol adaptado trouxe-nos o primeiro troféu de cariz Mundial, ao vencer o campeonato do Mundo.

    Ler mais »

  • 07 de Abril, 2021

    Ganhos que podem ir ao ralo

    A circulação de pessoas e bens, apesar das dificuldades das estradas, faz-se com segurança.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um toque ao desenvolvimento

    O país comemorou ontem mais um ano de paz. Foi a 4 de Abril de 2002 que a Nação angolana presenciou a cerimónia que marcou o fim de um período de guerra que deixou inúmeras cicatrizes.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Os ganhos da nossa vaidade

    Ao assinalarmos 19 anos, desde que o país começou a desfrutar do alívio que só a paz proporciona, não há como não reconhecer os ganhos havidos no sector desportivo neste lapso de tempo.

    Ler mais »

  • 05 de Abril, 2021

    Um retrocesso em alguns casos

    O desporto foi o grande embaixador do país, algumas modalidades assumiram-se como verdadeiros porta-estandartes, dado os feitos protagonizados por algumas selecções nacionais.

    Ler mais »

Ver todas »