Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Cartas dos Leitores

04 de Novembro, 2019
Estamos, igualmente satisfeitos, com o apoio que temos recebido do povo angolano. Outro nosso grande objectivo era esse, que a população angolana se sentisse honrada com a sua juventude, esses jovens representam o dia de amanhã, aquilo que é a crença e a esperança do amanhã.
PEDRO GONÇALVES, seleccionador nacional de Sub-17


Estou completamente apreensivo e julgo ser algo inédito, no associativismo desportivo nacional, o que estamos a testemunhar, hoje, no basquetebolangolano, modalidade que tantas alegrias deu a este país: esta renúncia, sem qualquer explicação aos amantes da modalidade. Eu, particularmente, gostaria de saber, afinal, o que se passa realmente.
PIRES FERREIRA, antigo presidente da F AB


O orçamento deste ano está avaliado em 66 milhões de Kwanzas e o Ministério já disponibilizou 18 milhões, cada participante para além da taxa de inscrição de 500 AKZ, vai acrescentar mais 100 Kwanzas, devido ao seguro de saúde. O nosso prémio vai até aos quatro mil dólares Norte Americanos.
JOÃO BERNARDO, presidente da Federação Angolana de Atletismo


A minha vinda a Angola, país de grandes talentos, enquadra - se na parceria entre o Cruzeiro e o Ferroviário, para fortalecer, também, as relações que temos com o Petro de Luanda, Progresso do Sambizanga e outros clubes. Vou dividir as minhas ideias com os técnicos angolanos.
ARMANDINHO MANJATE, membro do departamento técnico do Cruzeiro


Últimas Opinies

  • 18 de Novembro, 2019

    Palancas: mais "frangos" e "promessas de bacalhau"

    Paulo Gonçalves ainda não limou as arestas que sobressaem entre os vários sectores dos Palancas Negras.

    Ler mais »

  • 18 de Novembro, 2019

    Cartas dos Leitores

    Não podemos agarrar-nos ao que já passou.

    Ler mais »

  • 18 de Novembro, 2019

    Imposio de limites

    Apesar do atletismo ser das modalidades mais representativas do nosso mosaico desportivo não é menos verdade que a sua acção se faz sentir com maior impacto quando se chega a esta fase do ano, em que se coloca em funções a máquina organizadora da tradicional corrida de fim de ano, São Silvestre.

    Ler mais »

  • 16 de Novembro, 2019

    Haja resilincia mas com seriedade

    A campanha dos Palancas Negras rumo ao Campeonato Africano das Nações (CAN) de 2021, que Camarões irá organizar, pode ser de todo ofuscada, se acreditarmos que Angola, o nosso País, tem valor real e imensa qualidade em termos futebolísticos, mas sobretudo não tem o essencial: organização e seriedade.

    Ler mais »

  • 16 de Novembro, 2019

    Palancas devem ser destemidos no Gabo

    No seu retorno a mais uma campanha para atingir a elite do futebol continental, Angola joga amanhã frente à congénere do Gabão em Franceville, uma cartada importantíssima rumo aos Camarões-2021, depois do dissabor que experimentou diante da Gâmbia.

    Ler mais »

Ver todas »