Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Citaes

06 de Outubro, 2013
Vamos entrar para ganhar, temos de ganhar o jogo ao 1º de Maio, embora saibamos que em Benguela é sempre difícil, diante de uma equipa que merece respeito devido à tradição na competição”.
Edouard Antranik- técnico do Kabuscorp

Esta postura dos responsáveis se dirigirem ao grupo de trabalho sempre foi comum entre nós e isso revela o segredo da união, baseada num diálogo aberto e responsável, com vista a aumentar os índices de motivação da equipa”.
António Caldas- técnico do Sagrada Esperança

Vamos fazer a apresentação das nossas equipas no domingo e aproveitar para mostrar tudo que o UDA tem trabalhado para a massificação até agora, desde os mais pequeninos, que vão dos oito aos 17 anos, até os escalões seniores”.
AAntónio Leal - mentor do projecto UDA

Gostávamos de ter maior atenção do Ministério da Juventude e Desportos, porque a verba que nos é disponibilizada é insuficiente para a massificação a cem por cento. Pretendemos realizar actividades semanais para dar rodagem aos atletas”.
Pedro Emous - AG da Federação Angolana de Ju-Jitsu,

A PERGUNTA DO DIA
O 1º de Maio pode, hoje, em casa, quebrar a invencibilidade do Kabuscorp e adiar a festa dos palanquinos?


O 1º de Maio tem neste jogo, diante do Kabuscorp, um desafio muito sério, pois a sua permanência no Girabola depende exclusivamente de si. Portanto, espero que este histórico emblema benguelense saiba honrar o seu bom nome. Rafael Andrade , funcionário público

O desempenho do 1º de Maio nesta época futebolística é comprometedor. Na condição em que se encontra no Girabola, deixa dúvidas se consegue mesmo vencer o Kabuscorp que apenas precisa destes três pontos para se consagrar campeão. Jesus Manuel , funcionário público

Os atletas do Kabuscorp só de saberem que precisam deste jogo para se sagrarem campeões antecipados do Girabola, vão entrar em campo com todas cautelas para não serem surpreendidos. Com todos estes indicadores, espero que a equipa líder do campeonato principal cumpra o seu objectivo. Paulo Sérgio , editor de imagem

AVALIAÇÃO JD

BENTO KANGAMBA
Presidente do Kabuscorp= Positivo

Em equipa que ganha não se mexe. Este é um adágio popular muito antigo e que o presidente do Kabuscorp pretende levar à risca. Com o título praticamente garantido, Kangamba já prepara a nova época. Depois de assegurar Meyong, Kangamba anunciou também a continuidade do treinador.

DAUTO FAQUIRÁ
Técnico do 1º de Agosto=Negativo

Depois de perder o Girabola, o 1º de Agosto perdeu também a possibilidade de conquistar a Taça de Angola, troféu que ajudava a salvar a época. No meio de todas estas desgraças está o Petro de Luanda. As duas derrotas no espaço de 72 horas deitaram por terra as ambições dos militares.

Últimas Opinies

  • 23 de Março, 2019

    Agora que venha o CAN do Egipto!

    Que venha agora o CAN do Egipto! Sim, que  venha o Campeonato Africano das Nações porque a fase de qualificação ficou já para atrás. 

    Ler mais »

  • 23 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Estou aqui para trabalhar. É uma realidade nova para mim. Nunca estive em África.

    Ler mais »

  • 23 de Março, 2019

    Angola est no Egipto

    O país acordou, hoje, na ressaca da explosão festiva resultante da qualificação da selecção nacional de futebol, ao Campeonato Africano das Nações, a disputar-se em Junho e Julho, no Egipto.

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Amanh um "tudo ou nada

    Amanhã é uma espécie de Dia D, para nós, e tal fica a dever-se aos ‘’Palancas Negras’’

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Um regresso depois de quase dez anos

    Volvidos quase dez anos, volto a assumir uma missão como enviado especial do Jornal dos Desportos, título para o qual escrevo desde o ano de 1997, e que nesse momento assumo o cargo de editor, depois de já ter sido sub-editor e correspondente provincial.

    Ler mais »

Ver todas »