Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa

Opinio

Citaes

03 de Outubro, 2016
Esta vitória é da família ASA. Vamos trabalhar para unificar a família do ASA. Vamos dar mais atenção às camadas de formação, trabalhar para a recuperação gradual das infra-estruturas, fazer a gestão rigorosa do que nos é dado. Só assim, podemos obter a confiança de quem nos dá.”


Elias José , presidente reeleito do ASA


Muita coisa está mal no clube (...).Queria pedir que fossem mais sérios e edificassem este grande clube do país. O ASA não pode ser sempre levado de forma medíocre. Digo isso, todos os dias. Este clube tem de ser levado de forma profissional.”

Manuel de Almeida ,
candidato derrotado nas eleições do ASA


A direcção quer nesta altura fazer renascer a esperança de todos, os que se identificam com o nosso clube, e em conjunto colocarmos a fasquia o mais alto possível, porque a manutenção no Girabola Zap é possível, e depende de nós


Adriano Lopes ,
director de comunicação e marketing do Desportivo da Huíla


Estou muito satisfeito com o desempenho de todos os meus jogadores, especialmente, do Alcácer. Na verdade, alguns deles estão a revelarem-se decisivos na ausência de Lionel Messi, lesionado. Ano passado, passamos dois meses sem o Messi, e agora ele sofreu esta lesão... para ganhar títulos, precisamos de uma grande equipa, e nós temos.


Luis Enrique ,
treinador do Barcelona


A PERGUNTA DO DIA
A equipa do 1º de Agosto está em condições de revalidar
o título africano de Andebol, em seniores feminino?


É uma equipa forte que mostra bom desempenho. Conseguiu alguns títulos, do mesmo modo pode repetir a proeza. O nosso andebol já deu mostras de que está em bem, e isso, ficou patenteado nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, onde a Selecção chegou a atingir os quartos - de -final, pela primeira vez.
Ribas de Rosas, ardina

Acredito que pode revalidar o título, e desta vez, pode ser mais fácil por não ter o Petro de Luanda, seu maior adversário na prova. As outras equipas em competição, não se igualam ao 1º de Agosto. São de nível inferior, embora as equipas do Quénia, Congo Democrático e outras que vão estar em competição, queiram mudar as coisas.
Yuri Cardoso, ardina

Angola sempre esteve na liderança desta competição. O 1º de Agosto divide o mérito com a equipa petrolífera, que tem mais títulos. Acredito que as agostinas não vão entregar o título para mãos alheias. Elas tudo vão fazer para repetir o feito, que nos deixa simplesmente orgulhosos.

Miguel João, funcionário privado


Últimas Opinies

  • 23 de Março, 2019

    Agora que venha o CAN do Egipto!

    Que venha agora o CAN do Egipto! Sim, que  venha o Campeonato Africano das Nações porque a fase de qualificação ficou já para atrás. 

    Ler mais »

  • 23 de Março, 2019

    Cartas dos Leitores

    Estou aqui para trabalhar. É uma realidade nova para mim. Nunca estive em África.

    Ler mais »

  • 23 de Março, 2019

    Angola est no Egipto

    O país acordou, hoje, na ressaca da explosão festiva resultante da qualificação da selecção nacional de futebol, ao Campeonato Africano das Nações, a disputar-se em Junho e Julho, no Egipto.

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Amanh um "tudo ou nada

    Amanhã é uma espécie de Dia D, para nós, e tal fica a dever-se aos ‘’Palancas Negras’’

    Ler mais »

  • 21 de Março, 2019

    Um regresso depois de quase dez anos

    Volvidos quase dez anos, volto a assumir uma missão como enviado especial do Jornal dos Desportos, título para o qual escrevo desde o ano de 1997, e que nesse momento assumo o cargo de editor, depois de já ter sido sub-editor e correspondente provincial.

    Ler mais »

Ver todas »