Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

10 jornada abre com dois jogos equilibrados

26 de Outubro, 2019

Fotografia: Edies Novembro

A jornada número dez inicia esta tarde com dois jogos, em simultâneo, às 16h00. Trata-se do Sporting de Cabinda - Clube Recreativo da Caála "CRC", no Tafe, e do Progresso do Sambizanga - Ferrovia do Huambo, nos Coqueiros. Nos dois embates há uma clara equivalência entre contendores, pois, as campanhas deixam antever embates equilibrados e a vitória pode pender para qualquer dos lados.

Os leões gostam de rugir e dilacerar no Tafe e um triunfo caseiro tem tudo para ser consensual, pois, a equipa leonina tem feito a pontuação praticamente em casa e quando não ganha, empata. A tendência leonina, de pontuar perante os adeptos, aumenta a pressão do CRC. Os caálenses estão de sobreaviso, por isso, vão tentar ser os primeiros a manchar a campanha caseira do Sporting.

A atitude competitiva do Sporting é a garantia capaz de conquistar os três pontos em casa, desde que a equipa seja capaz de repetir a fórmula exitosa das jornadas passadas. É verdade, que não existem dois jogos iguais, contudo, se o CRC não tiver unhas para tocar guitarra, vai ter de render-se à qualidade leonina.

O Progresso é capaz de ter uma tarde de muito trabalho para bater o Ferrovia do Huambo, o primo divisionário tirou a barriga da miséria, na jornada passada, pelo que tem de ser tido em conta, na deslocação a Luanda. Antes da inédita e histórica vitória, os ferroviários chamavam a atenção pela qualidade da exibição, agora, que aprenderam como se ganha um jogo, podem ser capazes de somar e seguir no campeonato.

Os sambilas têm mais experiência de Girabola, têm mais recursos no plantel, falta-lhes regularidade para chegar, ver e vencer um adversário modesto, como o Ferrovia. Num dia bom, o Progresso pode superar qualquer tipo de dificuldades para arrancar a ferros, se necessário, os três pontos.