Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

1 de Agosto descarta nova surpresa

Jorge Neto - 21 de Dezembro, 2019

Rubro negro centram o foco no regresso ao comando da competio e vencerem a primeira volta

Fotografia: Edies Novembro

Depois do empate na jornada anterior diante de um adversário com ambições modestas e, em consequência disso, terem perdido a liderança do campeonato, o técnico-adjunto do 1º de Agosto, Ivo Traça, afirmou ontem que querem evitar surpresas na recepção, amanhã às 16H00, no estádio 11 de Novembro, da formação do Wiliete de Benguela, em desafio referente a 15ª e última jornada da primeira volta do Girabola Zap.

O auxiliar do técnico bósnio Dragan Jovic garantiu que estão atentos ao potencial da jovem formação orientada por Agostinho Tramagal, que está a realizar uma boa campanha, por isso, prepararam da melhor forma possível o desafio.

\"Sabemos que é uma equipa muito aguerrida, formada por miúdos que querem correr e aparecer. O 1º de Agosto motiva qualquer formação e, sendo assim, vamos preparar bem o jogo para no domingo não sermos surpreendidos pela equipa do Wiliete\", disse Ivo Traça, à imprensa.

O antigo médio militar reconheceu, que o empate a um golo frente ao Sporting de Cabinda, na última quarta-feira, teve um impacto negativo nos objectivos da equipa, mas por outro lado, assegurou que o grupo já levantou a cabeça e está focado no regresso às vitórias diante dos benguelenses.

\"A equipa está bem. É verdade que tivemos um resultado negativo no último jogo e não é bom para o nosso clube, que está a lutar pelo título, acabamos por perder a liderança do campeonato, isto é um bocado complicado\", realçou. 

Disse, por outro lado, que \"de qualquer forma o grupo está a reagir bem. Fizemos um bom trabalho de recuperação e esperamos virar o quadro\", sublinhou o adjunto de Dragan Jovic.

O treino de ontem, no estádio França Ndalu, contou com a presença do presidente de direcção do clube, Carlos Hendrick, e outros membros do seu pelouro, que acompanharam a penúltima sessão da semana para motivarem o grupo, para este desafio.

Recuperar a liderança e ser o campeão da primeira volta do campeonato é um dos objectivos do conjunto tetra-campeão, que viu o arqui-rival, Petro de Luanda, a assumir esta posição na jornada anterior.

\"Naturalmente, que um dos nossos objectivos era terminar a primeira volta do campeonato na liderança. Infelizmente, perdemos pontos no último jogo e o nosso adversário directo aproveitou bem este deslize. Mas vamos acreditar que ainda é possível\", concluiu o antigo médio agostino, confiante na recuperação da liderança da competição.