Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

1 de Agosto est no pote -2

Jorge Neto - 30 de Agosto, 2018

1 de Agosto aguarda adversrio dos quartos - de -final da Liga dos Clubes Campees Africanos

Fotografia: Santos Pedro | Edies Novembro

O 1º de Agosto conhece o seu adversário dos quartos - de - final da Liga dos Clubes Campeões Africanos, no sorteio a realizar na segunda-feira, na sede da Confederação Africana de Futebol (CAF), no cairo, Egipto, onde vai estar como enviado,  o vice-presidente para o futebol do clube, Paulo Magueijo.

Após a qualificação alcançada na terça-feira, com a vitória, por 2-1, sobre a formação do Mbabane Swallows de Eswatini (ex-Swazilândia),  os militares estão expectantes sobre quem vão defrontar nesta fase do mata -mata, da maior competição do continente à nível de clubes.  
Wydad Casablanca do Marrocos (actual campeão), Horoya da Guiné Conacri, Etoile du Sahel da Tunísia, Al Ahly do Egipto, Esperance de Tunis da Tunísia, TP Mazembe da República Democrática do Congo, ES Setife da Argélia são as equipas apuradas para a fase derradeira da prova. 
Os militares estão agrupadas no pote 2, em que figuram as formações do Al Ahly do Egipto, ES Setife da Argélia e o TP Mazembe da República Democrática do Congo, podem defrontar estes adversários. No mesmo pote, consta o Etoile du Sahel da Tunísia, que não se enfrentam  nesta altura, pelo facto de já terem estado no grupo D.  
Os quartos - de -final começam a ser disputados no dia 14 de Setembro, a primeira mão,  o jogo de resposta tem lugar  a 21 do mesmo mês, em que os vencedores de cada grupo decidem a eliminatória em casa. Neste caso, os bicampeões nacionais jogam a primeira mão no Estádio 11 de Novembro e decidem a qualificação fora de portas.
Os militares atingem este feito, 21 anos depois de regressar à fase de grupos da competição e encaixam uma quantia financeira de seiscentos mil dólares norte americanos (usd 600.000 00).A 6ª e última jornada do grupo D, confirmou a formação do Etoile du Sahel da Tunísia, com 12 pontos, o 1º de Agosto com 9, o Zesco United da Zâmbia com 6 e o Mbabane Swallows de Eswatini com 4 pontos.  
Com o apuramento,  a equipa do 1º de Agosto alcançou o maior registo da sua história nesta competição, apesar de ter disputado uma final da Taça CAF e está expectante em relação ao próximo adversário, que em caso de passagem,  iguala o feito do  seu rival Petro de Luanda, a única formação angolana que disputou as meias-finais desta competição.